Voltando à MotoGP em 2015, Suzuki sonda três pilotos do mundial

Em baixa, Cal Crutchlow tem boa chances de ser o responsável por desenvolver e melhorar competitividade da moto japonesa

Segundo o diretor do projeto da Suzuki para entrar na MotoGP novamente em 2015, o italiano Davide Brivio, o time negocia com três pilotos para liderarem a equipe e seu desenvolvimento a partir do ano que vem. Eles são Andrea Dovizioso, Aleix Espargaró e Cal Crutchlow.

"São três que estamos interessados. Não é uma lista muito longa, mas não é apenas uma lista de dois ou três nomes. Eu acho que é correto tentarmos entender quem está disponível, mas também é importante o piloto estar realmente motivado a participar de nosso desafio”, falou Brivio ao site britânico Motorcycle News.

“Somos um desafio, porque não estamos competindo na MotoGP e é difícil avaliar o potencial da nossa moto. Então você tem que confiar na Suzuki e no que podemos fazer. E nós precisamos entender que piloto está disposto a assumir este desafio e risco. "

Para Brivio, a prioridade é Crutchlow. "Nós temos falado com Crutchlow. Estar em uma equipe de fábrica é algo interessante, porque vamos estar colocando todos os esforços em apenas dois pilotos e é bom fazer parte disso.”

“É sabido que Cal tem a opção de decidir se ele vai ou não continuar com a Ducati na próxima temporada, então eu imagino que antes de ele tomar essa decisão, ele queira olhar para as alternativas. Não acho que a alternativa seja ficar em casa, então se fosse Cal, antes de decidir se quero continuar ou não na Ducati, olharia em volta para ver o que está disponível e eu acho que isso é o que ele está fazendo com a gente."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Tipo de artigo Últimas notícias