Barrichello conquista a pole e dá passo importante para se consagrar na Stock

Rubinho cresceu na super-pole e garantiu a primeira posição no treino em Curitiba

Barrichello conquistou a pole-position neste sábado
Líder da temporada 2014 da Stock Car, Rubens Barrichello deu um passo importante para confirmar o favoritismo e se consagrar campeão neste domingo, a partir das 10h30 (de Brasília). Neste sábado, Rubinho cravou a marca de 1min18s695 e obteve a pole-position para o Grande Prêmio de Curitiba, a última etapa do campeonato.
 
[publicidade]Barrichello cresceu na super-pole, subiu para a pole logo na primeira volta rápida e garantiu a primeira posição ao diminuir ainda mais a marca. O veterano não escondeu a satisfação pelo resultado, ainda mais pelo fato de Átila Abreu e Thiago Camilo, os maiores rivais na disputa, saírem somente em quarto e quinto, respectivamente.
 
“Final de semana para ter bom equilíbrio do carro, com pneus usados, e tem sido ótimo. Carro está bem melhor e estou muito feliz. Estou com o pé no chão, foi um grande passo, os adversários estão atrás, vou lutar para seguir dessa forma”, declarou ao ‘Sportv’.
 
Vice-líder da temporada, Átila Abreu dominou a primeira sessão de treinos ao cravar 1min18s699 logo nos primeiros minutos. Enquanto o maior adversário de Barrichello se mostrou forte na disputa, outros dois se complicaram: Sergio Gimenez e Antônio Pizzônia ficaram fora da briga pela pole, com tempos acima do top-10.
 
Apesar da pressão do grande rival na briga pelo título, Barrichello pilotou de forma segura durante o primeiro grupo em Curitiba. O líder do campeonato marcou o sexto tempo (0s417 acima do primeiro colocado) e se garantiu na sessão decisiva pela pole-position na última etapa da temporada.
 
No segundo grupo da classificação, quem mais se destacou foi Luciano Burti. Com uma volta veloz, o piloto subiu para a sexta posição e tirou Julio Campos, outro postulante ao título da temporada neste domingo, da briga pela primeira posição na reta final da sessão.
 
A ameaça de Burti, contudo, não abalou Barrichello. Na super-pole, momento mais decisivo deste sábado, Rubinho cresceu. Logo na primeira volta rápida, fez 1min18s827 e subiu para a primeira colocação. Não satisfeito, o veterano diminuiu ainda mais o tempo e garantiu a pole com a marca de 1min18s695, dando um passo importante para o título.
 
Além da pole, Rubinho saiu beneficiado pelo desempenho dos dois maiores rivais na briga pelo título: Átila Abreu, que largará somente quarta colocação (1min18s825), e Thiago Camilo, o quinto classificado (1min18s846). Daniel Serra sairá em segundo (1min18s720) e Cacá Bueno em terceiro (1min18s792).

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Tipo de artigo Últimas notícias