Cacá Bueno vence e assume a liderança da Stock

Piloto da equipe Red Bull venceu a terceira no ano após linda disputa com Ricardo Maurício

Cacá fecha a prova na ponta; piloto é líder do campeonato

Cacá Bueno mostrou o porquê de ser considerado o melhor piloto do turismo brasileiro. O piloto venceu em Londrina e assumiu a ponta do campeonato da Stock Car. Ricardo Maurício foi o segundo, seguido por Max Wilson.

Cacá Bueno manteve a ponto, após ataque do irmão, Popó. Duda Pamplona ultrapassou Ricardo Maurício. Thiago Camilo, que largou em nono, era o sétimo no fim da primeira volta. Valdeno Brito, quinto no grid, caiu para 11º ao tentar ultrapassar Ricardo Maurício na largada.

Ricardo Maurício começou uma reação na volta 4, ao passar Pamplona, e uma volta depois, deixando Popó para trás para assumir a segunda colocação.

Cacá e Popó abriram a janela de paradas nos boxes na volta 7 somente com reabastecimento. No giro seguinte foi a vez de Maurício parar e a estratégia foi a de trocar o pneu traseiro direito.

Depois das paradas, Maurício, Cacá, Popó, Max Wilson, Pamplona e Ricardo Zonta eram os seis primeiros na luta real pela ponta.

Na volta 21, Cacá Bueno passou Maurício na reta dos boxes, mas levou o troco na reta oposta. Duas voltas mais tarde novamente Cacá deixa o rival para trás, que metros depois recuperou a ponta.

Na volta 25, Cacá atacou Maurício e assumiu a primeira posição, abrindo uma pequena vantagem.

No meio do bolo, Valdeno Brito tocou no carro de Átila Abreu, que precisou cortar a chicane. Quando voltou à pista, Átila foi novamente tocado por Brito e ambos abandonaram. O acidente fez necessária a entrada do carro de segurança.

Depois do recomeço da prova, Cacá Bueno manteve-se na ponta sem ser ameaçado. Porém, na última volta Maurício partiu para o ataque e quase assumiu a primeira posição. Mas faltava pouco tempo e Cacá foi capaz de terminar à frente do rival, por 216 milésimos de vantagem. Max Wilson completou o pódio, com Popó Bueno em quarto.

Com o resultado de hoje, Cacá Bueno assumiu a liderança com 250 pontos. Max Wilson (247), Ricardo Maurício (246) e Popó (231) são os principais candidatos ao título.

Confira o resultado da etapa de Londrina:

1°. Cacá Bueno, Red Bull, 0:47:18.459
2°. Ricardo Maurício, Eurofarma RC, +0.246
3°. Max Wilson, Eurofarma RC, +1.936
4°. Popó Bueno, Comprafacil/A.Mattheis, +5,271
5°. Ricardo Zonta, Crystal Racing Team, +6.681
6°. Allam Khodair, Blau Vogel, +11.240
7°. Luciano Burti, Itaipava Boettger,+13.212
8°. Daniel Serra, Red Bull, +13.395
9°. Marcos Gomes, Medley Full Time, +13.576
10°. Nonô Figueiredo, Esso Mobil Super FTS, +14.315
11°. David Muffato, Itaipava Boettger, +14.401
12°. Tuka Rocha, BMC Vogel, +14.987
13°. Giuliano Losacco, Hot Car, +15.606
14°. Rodrigo Sperafico, JF, +16.054
15°. Julio Campos, Crystal Racing Team, +16.415
16°. Alceu Feldmann, Comprafacil/A.Mattheis, +16.722 
17°. Eduardo Leite, Hot Car, +22.687
18°. Matheus Stumpf, Scuderia 111, +59.951
19°. Ricardo Sperafico, Scuderia 111, +1:10.604
 
Não completaram:
 
Denis Navarro, Bassani, +3 voltas
Lico Kaesemodel, Credipar RCM, +4 voltas
Felipe Maluhy, Officer ProGP, +4 voltas
Xandinho Negrão, Medley Full Time, +6 voltas
Duda Pamplona, Officer ProGP, +10 voltas
Rodrigo Navarro, Qualicorp JF, + 10 voltas
Valdeno Brito, Esso Mobil Super FTS, +10 voltas (desclassificado)
Átila Abreu, AMG, + 10 voltas (desclassificado)
Thiago Camilo, Ipiranga RCM, +16 voltas
Serafin Jr, AMG, +34 voltas

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Tipo de artigo Últimas notícias