Em prova quente, Daniel Serra e Max Wilson fazem ótima estratégia e vencem no Velopark

Provas marcadas por algumas entradas de Safety Car e um forte calor no Rio Grande do Sul, Serra e Wilson vencem

A terceira etapa da Stock Car aconteceu na tarde deste domingo, no circuito de Velopark, em Nova Santa Rita, Rio Grande do Sul. E na segunda etapa de rodadas duplas, Daniel Serra e Max Wilson levaram as duas corridas, respectivamente. Cacá Bueno em uma corrida estratégica pontuou bem nas duas provas e se isolou na liderança do campeonato.

A largada para a primeira prova foi dada em fila indiana, na primeira volta Allam Khodair foi para cima de Rubens Barrichello e tomou a quarta posição do atual campeão. Porém na volta seguinte Barrichello usou um push to pass e retomou a quarta colocação do Khodair e de Júlio Campos na mesma reta, subindo para a terceira colocação.

Na terceira volta Rubinho perdeu novamente as duas colocações, pois seus adversários também usaram o push. Essa briga dos três durou algumas voltas. Duas voltas depois, César Ramos, que estava em sétimo teve seu pneu dianteiro furado. O piloto da casa acabou batendo com o Fábio Fogaça e danificando o carro.

Na mesma volta Daniel Serra foi pra cima do líder Marcos Gomes e assumiu a primeira colocação, antes de o Safety Car ser chamado, por causa do carro do César Ramos, que ficou parado. Assim que foi acionada a bandeira verde, os pilotos trocaram posições algumas vezes.

Quando abriu a janela de abastecimento, Marcos Gomes foi o primeiro dos líderes a parar, tentando ganhar a posição nos boxes, Gomes fez uma parada rápida. Serra, que parou uma volta depois ficou um pouco a mais nos boxes, mas mesmo assim continuou na primeira colocação. Júlio Campos se aproveitou e também passou pelo Marcos Gomes, assumindo a segunda colocação.

Voltas depois, Marcos Gomes retomou a posição de Júlio Campos, enquanto Barrichello se aproximava de forma perigosa nos dois. Campos, na volta seguinte passou novamente, tudo por conta dos acionamentos dos push to pass e os dois ficaram trocando posições a cada volta.
No final, Daniel Serra venceu a primeira corrida, seguido por Marcos Gomes e Júlio Campos.

Confira o resultado da primeira corrida:

1 – Daniel Serra – Red Bull Racing – 47 voltas
2 – Marcos Gomes – Voxx Racing - +0.691s
3 – Júlio Campos – Prati-Donaduzzi - +3.630s
4 – Rubens Barrichello – Full Time - +12.213s
5 – Cacá Bueno – Red Bull Racing - +21.813s
6 – Ricardo Maurício – Eurofarma RC - +22.876s
7 – Allam Khodair – Full Time - +24.810s
8 – Diego Nunes – Vogel Motorsports - +26.113s
9 – Sérgio Jimenez – C2 Team - +26.833s
10 – Max Wilson – Eurofarma RC - +27.939s
11 – Valdeno Brito – Shell Racing - +29.325s
12 – Thiago Camilo – Ipiranga Racing - +30.106s
13 – Ricardo Zonta – Shell Racing - +30.433s
14 – Felipe Fraga – Voxx Racing - +34.580s
15 – Rafael Suzuki – RZ Motorsport - +46.945s
16 – Átila Abreu – AMG Motorsport - +47.848s
17 – Rafael Mattos – Schin Racing - +49.100s
18 – Felipe Lapenna – Schin Racing - +1 volta
19 – Raphel Abbate – Hot Car - +1 volta
20 – Lucas Foresti – AMG Motorsport - +2 voltas
21 – Popó Bueno – Cavaleiro Racing - +2 voltas
22 – Victor Genz – Boettger - +3 voltas
23 – Bia Figueiredo – Bassani Racing - +3 voltas
24 – Antônio Pizzonia – Prati-Donaduzzi - +11 voltas
25 – Luciano Burti – RZ Motorsport - +14 voltas
26 – Galid Osman – Ipiranga Racing - +15 voltas
27 – Gabriel Casagrande – C2 Team - +16 voltas
28 – Tuka Rocha – Bassani Racing – abandonou
29 – Fábio Fogaça – Hot Car – abandonou
30 – Denis Navarro – Vogel Motorsport – abandonou
31 – César Ramos – Cavaleiro Racing – abandonou

Segunda Corrida

Na segunda prova, mais uma vez uma largada em fila indiana, Diego Nunes não conseguiu largar e ficou pelo caminho, Tuka Rocha também ficou lento na pista e abriu passagem para todos. Rubens Barrichello, ao tentar ultrapassar o Sérgio Jimenez, acabou perdendo espaço e caindo de quinto para décimo primeiro.

Na frente a briga era com os companheiros de equipe Max Wilson e Ricardo Maurício, um pouco mais atrás vinha Cacá Bueno. Duas voltas depois, Valdeno Brito usou o push e ultrapassou o Daniel Serra e tentou passar o Khodair na mesma manobra, acabou sendo tocado e rodou, ao voltar, foi acertado pelo Rafa Mattos. Brito saiu da pista e acertou a barreira de pneus. Com isso o Safety Car foi acionado.

Quando a bandeira verde foi acionada, Rafael Mattos foi tocado pelo Átila Abreu, fazendo o piloto do carro dois rodar e bater no meio da reta dos boxes, sendo acionado o carro de segurança mais uma vez.

Antes da bandeira verde o carro de Ricardo Maurício teve um pneu furado, obrigando o piloto a ir para os boxes, deixando a briga pela liderança com Max Wilson e Cacá Bueno
.
Na última volta, Wilson abriu um pouco e venceu a prova, seguido por Bueno e Júlio Campos, que conseguiu dois pódios no final de semana

Confira o resultado da segunda corrida:

1 – Max Wilson – Eurofarma RC – 26 voltas
2 – Cacá Bueno – Red Bull Racing - +1.343s
3 – Júlio Campos – Prati-Donaduzzi - +3.024s
4 – Daniel Serra – Red Bull Racing - +3.774s
5 – Rubens Barrichello – Full Time - +5.327s
6 – Felipe Lapenna – Schin Racing - +11.440s
7 – Gabriel Casagrande – C2 Team - +11.930s
8 – Ricardo Zonta – Shell Racing - +12.299s
9 – Victor Genz – Boettger - +13.418s
10 – Thiago Camilo – Ipiranga Racing - +14.219s
11 – Popó Bueno – Cavaleiro Racing - +14.220s
12 – Antônio Pizzonia – Prati-Donaduzzi - +15.797s
13 – Luciano Burti – RZ Motorsport - +18.484s
14 – Allam Khodair – Full Time - +18.588s
15 – Lucas Foresti – AMG Motorsport - +20.298s
16 – Sérgio Jimenez – C2 Team - +27.519s
17 – Bia Figueiredo – Bassani Racing - +28.237s
18 – Marcos Gomes – Voxx Racing - +34.793s
19 - Rafael Suzuki – RZ Motorsport - +36.882s
20 – Ricardo Maurício – Eurofarma RC +48.192s
21 – Galid Osman – Eurofarma RC – abandonou
22 – Átila Abreu – AMG Motorsport – abandonou
23 – Denis Navarro – Vogel Motorsport – abandonou
24 – Tuka Rocha – Bassani Racing – abandonou
25 – Rafael Mattos – Schin Racing – abandonou
26 – Valdeno Brito – Shell Racing – abandonou
27 – Fábio Fogaça – Hot Car – abandonou
28 – Diego Nunes – Vogel Motorsport – abandonou
29 – Felipe Fraga – Voxx Racing – não largou
30 – Raphael Abbate – Hot Car – não largou
31 – César Ramos – Cavaleiro Racing – não largou

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Pilotos Max Wilson , Daniel Serra
Tipo de artigo Últimas notícias