Valdeno diz que estratégia foi fundamental para vitória

Paraibano da Esso Mobil Super FTS retardou seu pit stop, aproveitou pista secando, colocou pneus slicks e ultrapassou todos os rivais

Valdeno: última vitória havia sido em Curitiba, no ano de 2009 (Foto: Fábio Oliveira)

Em entrevista recente ao TotalRace, Valdeno Brito havia dito que seria muito difícil vencer uma corrida em 2011. No entanto, o paraibano contou com um misto de sorte e muita competência para virar o jogo e chegar na frente em Brasília.

O piloto da Esso Mobil Super FTS esperou o máximo de tempo possível para efetuar sua parada nos boxes. Quando a fez, aproveitou a pista seca e colocou pneus slicks. Como resultado, Valdeno voou e ultrapassou todos os concorrentes.
 
A ultrapassagem final sobre o então líder Marcos Gomes aconteceu na volta final e o vencedor da Corrida do Milhão subiu ao lugar mais alto do pódio pela terceira vez na Copa Caixa Stock Car.
 
"Há cinco corridas, desde que resolvemos os problemas sérios que nosso carro apresentava, venho largando entre os dez primeiros colocados e o resultado de hoje foi a recompensa por esse trabalho que nós fizemos ao longo do campeonato", celebra.
 
A decisão trouxe certo risco: uma nova entrada do safety car poderia arruinar os planos. Mas não aconteceu. "Nós arriscamos. Se o safety car entrasse não teria dado certo. Mas a estratégia foi fundamental porque quando parei a pista já estava secando e pude optar pelos pneus slick. Isso fez diferença no final", conta.
 
"Fui um dos mais rápidos da pista durante toda a prova e o carro estava perfeito. Tenho que agradecer a equipe pela vitória", comemorou o piloto, que deve deixar a equipe FTS no fim desta temporada. Rumores apontam que Valdeno deve retomar a parceria com Andreas Mattheis.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Tipo de artigo Últimas notícias