Dakar cancela estágio Tupiza/Salta de segunda-feira

Organizadores da competição cancelaram estágio devido às condições climáticas precárias

O estágio que ligaria Tupiza a Salta, o nono dos 14 marcados para a Dakar deste ano, que teria trecho de 242 km cronometrados e marcaria o final da perna boliviana do evento foi cancelado pela organização.

As recentes chuvas intensas na área e o estado do bivoauc de Tupiza contribuíram para a decisão. O ponto de destino do estágio de domingo está atualmente coberto por água e lama, embora as condições não sejam tão severas como as ocorridas durante o ano passado no bivouac de Oruro, também localizado na Bolívia.

"Viajamos de uma área da Bolívia para outra, e agora estamos em um local onde o clima é mais variável", disse Marc Coma, diretor esportivo de Dakar. "E nas últimas horas foi atingido pelas fortes chuvas.”

"O bivouac está em más condições. Seria possível realizar um estágio amanhã, mas preferimos não arriscar e, em vez disso, enviaremos toda a caravana pela estrada e continuaremos a correr a partir daí.”

"A princípio, sabíamos desde o início que esta parte da Bolívia é sensível em termos de clima.”

"Fazer o estágio seria arriscado e não queremos alterar a dinâmica do que foi um Dakar fantástico até agora.”

"Preferimos ser um pouco conservadores hoje e então poder manter o 10º estágio da melhor maneira possível."

Enquanto o Dakar de 2017 foi repleto de cancelamentos de estágios e rotas devido ao mau tempo, o cancelamento da especial de segunda-feira representa apenas a segunda interrupção na edição deste ano.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Dakar
Evento Dakar
Tipo de artigo Últimas notícias