Peterhansel admite que não consegue mais alcançar Sainz

compartilhar
comentários
Peterhansel admite que não consegue mais alcançar Sainz
Andrew van Leeuwen
Por: Andrew van Leeuwen
Traduzido por: Daniel Betting
18 de jan de 2018 12:51

Stephane Peterhansel renunciou ganhar seu 14º título do Dakar, admitindo que seu colega de equipe da Peugeot, Carlos Sainz, não pode mais ser alcançado nos últimos três estágios

Stéphane Peterhansel, Peugeot Sport
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel, Jean-Paul Cottret
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel, Jean-Paul Cottret
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel, Jean-Paul Cottret gets help from Cyril De
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel, Jean-Paul Cottret gets help from Cyril De
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel, Jean-Paul Cottret gets help from Cyril De
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel, Jean-Paul Cottret
#300 Peugeot Sport Peugeot 3008 DKR: Stéphane Peterhansel

Stéphane Peterhansel parecia pronto para aumentar seu notável número de vitórias no Dakar de 2018 no final da primeira semana, confortavelmente à frente 27 minutos de Carlos Sainz na etapa La Paz - Uyuni.

No entanto, esse sétimo dia da corrida resultou ser um ponto de inflexão para Peterhansel, já que seu Peugeot sofreu sérios danos na suspensão, evitando um quadriciclo encalhado.

Depois de ter que esperar que seu companheiro de equipe, Cyril Despres, para fornecer apoio e peças, Peterhansel caiu para o terceiro lugar, 1h20m atrás do novo líder, Carlos Sainz.

Desde então, Peterhansel ganhou algumas etapas e voltou ao segundo lugar na classificação; no entanto, com Sainz com mais de uma hora na frente, graças ao cancelamento da penalidade de dez minutos, o francês diz que desistiu da perseguição e que ele precisaria torcer por uma falha mecânica para vencer.

"Sim, é claro", disse quando perguntado se Carlos estava muito adiante com três estágios restantes.

"Nós temos o mesmo carro, somos profissionais, então chegar a Carlos não é possível, mas você nunca sabe, este é um esporte mecânico, então você nunca sabe”.

"Eu só defenderei minha posição porque Nasser Al-Attiyah está a apenas 20 minutos atrás. Não é possível tentar uma hora em três etapas, especialmente porque as etapas a seguir não são dunas”.

"Só salvar o segundo lugar não é tão ruim, porque depois... não foi um grande acidente, mas o problema... paramos por uma hora e 45 minutos, portanto, o segundo lugar nessa situação não é tão ruim".

A ação em Dakar retoma nesta quinta-feira com o trecho de 523 quilômetros de Fiambala/Chilecito - San Juan.

Informação adicional de Sergio Lillo

Next article
Dakar cancela estágio 12 para motos e quadriciclos

Previous article

Dakar cancela estágio 12 para motos e quadriciclos

Next article

Dakar elimina parte do 13º estágio para motos e quadriciclos

Dakar elimina parte do 13º estágio para motos e quadriciclos
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Dakar
Evento Dakar
Pilotos Stéphane Peterhansel
Equipes Peugeot Sport
Autor Andrew van Leeuwen
Tipo de matéria Últimas notícias