Peterhansel diz que experiência foi a chave para vitória

O 13 vezes campeão do maior rali do mundo superou seu companheiro de equipe, Sebastien Loeb, e exaltou a competitividade entre os dois

Stéphane Peterhansel comemorou seu 13º título do Dakar, superando Sébastien Loeb por 5min13s, após a dupla passar a maior parte da segunda semana do rali trocando liderança.

No estágio Chilecito-San Juan de quinta-feira, Peterhansel saiu com seis minutos de vantagem sobre Loeb, e enquanto a lenda do WRC parecia próxima na especial de San Juan-Rio Cuarto de sexta-feira, um problema de Loeb deixou Peterhansel em totais condições de triunfar mais uma vez.

"No início eu não tinha certeza sobre essa vitória, foi uma grande luta com seis e sete pilotos, depois eram quatro e na última semana foram apenas nós dois", disse Peterhansel.

"Seb e eu lutamos muito fortemente. No final, eu sou o vencedor, mas é um pequeno detalhe. Provavelmente eu ganhei o Dakar ontem, quando Seb teve um pneu furado."

"Provavelmente esta é a vitória da experiência, novamente. Porque em algumas vezes eu sabia que não era rápido o suficiente para seguir Seb."

"É uma grande emoção hoje, porque este título não foi fácil de conseguir, esta vitória não foi fácil."

Sem ordens de equipe

Peterhansel elogiou o chefe da Peugeot Sport, Bruno Famin, por ser contra o uso de ordens da equipe no início da segunda semana, quando a marca francesa já tinha estabelecido seu domínio.

"Eu acho que o espírito dentro da equipe foi muito bom, Bruno Famin decidiu não dar ordens de equipe e foi a melhor coisa que tivemos", acrescentou Peterhansel.

"Foi apenas uma luta entre os pilotos, com o mesmo carro, e o melhor piloto que venceu o Dakar. Foi uma grande tensão até o fim, mas muito legal para nós, com certeza. "

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Dakar
Evento Dakar 2017
Pilotos Sébastien Loeb , Stéphane Peterhansel
Equipes Peugeot Sport
Tipo de artigo Últimas notícias