Walkner sobrevive, vence estágio e lidera nas motos

Austríaco se tornou a favorito ao título do Dakar 2018, após especial que viu Adrien van Beveren cair e quatro outros candidatos ficaram perdidos

Enquanto o dia começou com seis pilotos com menos de 10 minutos do líder geral, Matthias Walkner agora possui uma vantagem de 39min42s, após o 10º estágio ligando Salta a Belén.

O piloto da KTM teve um início tranquilo do dia e estava quase sete minutos atrás do líder Kevin Benavides no meio da especial.

No entanto, quando a competição foi reiniciada no estágio de 373 quilômetros, quase todos os grandes nomes se perderam.

Benavides, Toby Price, Joan Barreda e Antoine Meo perderam muito tempo, com apenas Van Beveren e Walkner conseguindo navegar pelo estágio.

O francês estava em posição privilegiada para terminar o dia na liderança geral, mas sofreu uma queda a três quilômetros do final.

O piloto de Yamaha foi diagnosticado com a clavícula direita quebrada, bem como lesões no tórax e coluna vertebral e não conseguiu completar.

Pablo Quintanilla e Gerard Farres ficaram mais perto da Walkner, 11 e 16 minutos fora do ritmo, e o último saltou para o quarto lugar no geral.

Barreda da Honda é o segundo, apenas dois minutos antes do seu companheiro, Benavides.

A dupla da KTM Price e Meo são o quinto e o sexto, o último perdendo o maior tempo entre os favoritos, já que ele estava mais de uma hora mais lento do que Walkner.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Dakar
Evento Dakar
Pilotos Matthias Walkner
Equipes Red Bull KTM Factory Racing (MXGP)
Tipo de artigo Relato de estágio