Audi admite "desvantagem" com novas regras do DTM

compartilhar
comentários
Audi admite
Valentin Khorounzhiy
Por: Valentin Khorounzhiy
Co-autor: Casper Bekking
31 de mar de 2018 19:22

Novos regulamentos aerodinâmicos introduzidos em 2018 colocarão a Audi em desvantagem, de acordo com chefe de automobilismo, Dieter Gass

Loic Duval, Audi Sport Team Phoenix, Audi RS 5 DTM
Loic Duval, Audi Sport Team Phoenix, Audi RS 5 DTM
Jamie Green, Audi RS 5 DTM
Jamie Green, Audi RS 5 DTM
Jamie Green, Audi RS 5 DTM
Jamie Green, Audi RS 5 DTM
Jamie Green, Audi RS 5 DTM

A Audi conquistou os títulos de pilotos, equipes e fabricantes no DTM no ano passado, com seus pilotos ficando nas quatro primeiras colocações individuais.

Seu domínio foi auxiliado pela remoção de lastros de desempenho no final da temporada, mas isso veio acompanhado de um acordo entre os fabricantes para retrabalhar nos regulamentos técnicos para 2018.

As mudanças para este ano estimularam o otimismo do time da Mercedes e falando ao Motorsport.com, Gass concordou com a avaliação de que a Audi poderia ter problemas.

"As novas regras não são uma vantagem para a Audi", disse Gass. "Você pode dizer que é uma desvantagem.”

"Perdemos um pouco do nosso potencial, mas tentaremos compensar outros aspectos."

Os ajustes de regras introduzidos para 2018 visam reduzir o downforce "em cerca de um terço", reduzindo o número e o tamanho de vários acessórios aerodinâmicos permitidos no carro.

Solicitado a comentar as sugestões de que isso afetaria a Audi mais do que a BMW e Mercedes, Gass disse: “Eu acho que, infelizmente, eles estão certos.”

“Provamos no ano passado, especialmente no final da temporada, que tínhamos o melhor pacote aerodinâmico. Obviamente, agora há possibilidades limitadas de trabalhar no carro.”

“Queremos vencer corridas e ainda acho que podemos. Precisamos nos concentrar, trabalhar de perto entre os pilotos.”

"Uma formação de pilotos muito forte e as pessoas trabalhando juntas, isso vai ser muito importante neste ano."

Audi permitiria fim de semana duplo de Duval

A Audi confirmou que pode permitir que Loic Duval corra no DTM e no WEC no mesmo final de semana.

O francês estará disputando sua segunda temporada no DTM com a Audi neste ano, e também está programado para correr no Campeonato Mundial de Endurance na LMP2, pela TDS Racing.

A primeira etapa do DTM em Hockenheim acontece no fim de semana de 5 a 6 de maio, o mesmo das 6 Horas de Spa Francorchamps, na abertura da supertemporada do WEC 2018-2019.

Mas enquanto os compromissos de Duval com a Audi são prioridades, a fabricante considerará permitir que ele viaje entre os dois locais e dispute ambos os eventos.

"Atualmente estamos falando sobre isso", disse Gass. “Neste momento, imagino que ele faça algo semelhante ao que Mattias [Ekstrom] fez com o [World] Rallycross quando isso conflitou com o DTM em Hockenheim.”

"Isso foi mais fácil para ele porque era muito próximo, mas estamos olhando a situação. Pode ser que nós permitimos [Duval] faça Spa.”

"A prioridade ainda é o DTM, não vamos liberá-lo da corrida, mas se for possível para ele, ele pode fazer Spa."

“O que aconteceria é que ele faça a prova no sábado de manhã no DTM e depois va para Spa. Isso é mais uma questão para o WEC.”

“Sua prioridade é o DTM com a Audi. Tentamos acomodá-lo tanto quanto possível com outros programas, mas eles não podem interferir em seu programa principal.”

Próxima DTM matéria
Motorsport Network será parceiro de mídia do DTM em 2018

Previous article

Motorsport Network será parceiro de mídia do DTM em 2018

Next article

Farfus e pilotos da Audi e BMW priorizam DTM ao WEC

Farfus e pilotos da Audi e BMW priorizam DTM ao WEC

Sobre esta matéria

Categoria DTM
Pilotos Loic Duval
Autor Valentin Khorounzhiy
Tipo de matéria Últimas notícias