Em estreia no DTM, Zanardi será “pé no saco”, diz Di Resta

compartilhar
comentários
Em estreia no DTM, Zanardi será “pé no saco”, diz Di Resta
23 de ago de 2018 21:52

Rivais dizem que italiano será rival difícil de bater apesar de deficiências físicas e de ter 51 anos de idade

Os pilotos da Mercedes no DTM, Paul di Resta e Gary Paffett, esperam que Alessandro Zanardi seja um "pé no saco" em sua estreia pelo campeonato em Misano, neste final de semana.

Bicampeão da CART e medalhista de ouro do ciclismo paralímpico, Zanardi disputará a rodada dupla de corridas noturnas como participante convidado em um sétimo BMW M4 que foi adaptado para ele.

Ele completou recentemente 294 voltas em um teste em Vallelunga na preparação para sua corrida, declarando que o sistema de freios operado manualmente que usou pela primeira vez é um grande passo à frente.

Di Resta disse que espera que Zanardi, de 51 anos, seja competitivo contra os pilotos normais do campeonato.

"Eu sou um grande torcedor dele, eu o vi correndo muito de perto com meu primo (Dario Franchitti) nos EUA, e então o vi chegando na Fórmula 1, conhecendo o próprio Alex", disse di Resta.

"Eu só acho que isso só mostra o quão bom é o campeonato para ele estar aqui. Com as deficiências que ele tem para correr este carro, é absolutamente incrível o trabalho que ele faz. E ouvi que ele fez um trabalho muito bom no teste também.”

"Tenho certeza que ele vai ser um pé no saco às vezes para nós. Ele estará lutando conosco, eu não espero nada fácil dele, mas é legal ver ele querer participar do DTM."

O líder nos pontos, Gary Paffett acrescentou que acha que o grid precisaria "errar do lado da cautela" ao competir com Zanardi.

"Eu nunca corri contra ele, então não sei o que esperar", disse Paffett.

"Com todos os outros pilotos com quem você corre você aprende com os anos que tipo de limites eles têm, mas com Alex, quem sabe?

"Eu acho que nós temos que errar do lado da cautela. Ele não tem absolutamente nada a perder."

Zanardi disse que se aproxima deste fim de semana sem qualquer expectativa de lutar pela vitória, mas acrescentou que está animado em fazer sua estreia no DTM.

"Nesta longa carreira, eu sempre olhei para a próxima grande corrida sabendo que eu era um dos principais candidatos a vencer", disse ele.

"Desta vez será diferente, apesar de ser igualmente eletrizante estar novamente no nível mais alto do automobilismo e mal posso esperar para começar o motor do BMW M4 DTM."

"Eu tenho conseguido encaixar várias coisas diferentes nesta minha vida e, até onde eu sou na minha experiência no automobilismo, de todas as coisas que eu gostaria de fazer na minha carreira, DTM era realmente uma das poucas que faltavam."

Alex Zanardi, BMW M4 DTM

Alex Zanardi, BMW M4 DTM

Photo by: BMW AG

Próxima DTM matéria
Audi: 16 carros no grid é o mínimo para o DTM em 2019

Previous article

Audi: 16 carros no grid é o mínimo para o DTM em 2019

Next article

Radar verde-amarelo: pódio de Sette Câmara na F2 é destaque

Radar verde-amarelo: pódio de Sette Câmara na F2 é destaque
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria DTM
Pilotos Alex Zanardi
Tipo de matéria Últimas notícias