Em Hockenheim, Scheider vence e Wehrlein conquista título

Piloto se torna o mais jovem campeão da DTM da história da categoria. Farfus participou de acidente e terminou nas últimas colocações

Pascal Wehrlein está prestes a completar 21 anos e coloca em seu currículo o título da DTM de 2015. Mesmo largando da 13° posição, ele conseguiu escalar as posições necessárias, terminando em oitavo. Seus concorrentes diretos, Edoardo Mortara e Mattias Ekström largaram à frente de Wehrlein, em nono e em sétimo, respectivamente, mas fizeram o caminho contrário.

Quem venceu a prova de hoje foi Timo Scheider, que largou na segunda posição.

Quem não foi bem foi Augusto Farfus. Quando Gary Paffett e Miguel Molina bateram, acabaram atingindo o brasileiro. O safety car acabou sendo chamado. Lembrando que ele havia largado na 14° posição e terminou entre os últimos.

Mesmo com o título já definido, a DTM em Hockenheim volta amanhã às 11h, horário de Brasília.

Confira o resultado final da prova:

Posição Piloto
1 Timo Scheider
2 Jamie Green
3 Maxime Martin
4 Paul Di Resta
5 Mike Rockenfeller
6 Marco Wittmann
7 Tom Blomqvist
8 Pascal Wehrlein
9 Mattias Ekström
10 Maximilian Götz
11 António Félix da Costa
12 Christian Vietoris
13 Daniel Juncadella
14 Miguel Molina
15 Nico Müller
16 Martin Tomczyk
17 Lucas Auer
18 Timo Glock
19 Bruno Spengler
- Gary Paffett
- Robert Wickens
- Edoardo Mortara
- Adrien Tambay
- Augusto Farfus

 

 

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias DTM
Evento Hockenheim II
Pista Hockenheimring
Pilotos Timo Scheider , Paul di Resta , Maxime Martin , Pascal Wehrlein
Equipes Mercedes , Phoenix Racing , HWA AG
Tipo de artigo Relato da corrida