Farfus pede pneus mais macios para DTM

Piloto da BMW disse que categoria estaria indo na direção certa caso

A DTM usava dois tipos de compostos de pneus até antes de 2015. Mas neste ano, a categoria acabou tirando a segunda opção, com apenas um único tipo de borracha da Hankook.

No entanto, Augusto Farfus que compete na DTM desde 2012 e terminou esta temporada em 12° , sugeriu que o composto é muito durável.

"Se fizéssemos trocas, se tivéssemos pneus macios, seria muito positivo. Se tivermos mais degradação, ficaria mais desafiador para o piloto."

O brasileiro confessou que os pilotos têm uma lista de medidas que poderiam ajudar o show.

"Realmente temos muitas ideias. Há algumas muito boas, mas não está em nossas mãos. Apenas sugerimos. Há um grupo muito bom de pessoas que podem tomar decisões."

Voltando a falar sobre a questão dos pneus macios, Farfus observou: "Não deveríamos ter paradas obrigatórias. Poderíamos ter algo diferente na maneira de fazer os pits, porque vemos muita gente sempre com as mesmas estratégias."

"Isso daria a chance de modificar um pouco as coisas, de serem mais criativos."

BMW não venceria sem lastro

O brasileiro opinou sobre o sistema de lastro introduzido este ano, sugerindo que foi uma grande ajuda à BMW na competição de construtores.

"Sem a questão do peso, talvez não venceríamos uma corrida sequer. Temos que analisar isso. Acho que deve vencer aquele que é o melhor. "

"Felizmente, desta vez isso nos ajudou, mas temos que rever isso."

 

Entrevistado por Sergey Bednaruk

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias DTM
Pilotos Augusto Farfus
Equipes BMW Team RBM
Tipo de artigo Últimas notícias