Jarvis conquista quarto título do Motul Roof of Africa

Graham Jarvis superou o rival Alfredo Gomez para a vitória no evento no Lesoto

Graham Jarvis e Alfredo Gomez fizeram uma grande final do evento que é considerado como um dos mais extremos do mundo motocross. Os concorrentes tiveram que trabalhar em mais de 400 km no Lesoto, em terrenos rochosos e desafiadores.

O veterano britânico de 41 anos conseguiu uma pequena diferença no final do terceiro e último dia de corrida, que durou 140 km. Jarvis manteve a liderança e cruzou a linha de chegada com sua Husqvarna em primeiro.

"Estou muito feliz, esse quarto título me parece incrível", disse Jarvis depois de limpar a sujeira de seu rosto. "Eu só tinha energia suficiente para chegar ao fim."

Gomez largou a apenas meio minuto de seu rival britânico e igualou seu ritmo. Mas a ultrapassagem na parte final da corrida não foi possível, devido ao terreno difícil.

"Estou muito feliz porque esta prova é muito difícil. Há muitas pedras e elas se movem o tempo todo ", comentou o piloto da KTM, após a corrida. "É difícil conseguir tração e você precisa de um pouco de sorte também. A corrida é uma loucura e muito longa. Minhas mãos estão completamente destruídas."

Alguns pilotos foram tratados para desidratação, já que a temperatura de 30°C provou ser um desafio adicional neste evento de resistência extrema. Mesmo assim, a maioria prometeu retornar no próximo ano.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Enduro
Evento Roof of Africa
Pilotos Graham Jarvis
Tipo de artigo Relato de estágio