12º, Button diz que último quali da carreira foi gratificante

Jenson Button destacou que mudanças nas condições da pista custaram a ele os décimos necessários para passar ao Q3, mas disse que aproveitou a experiência final em classificações na Fórmula 1

Jenson Button terminou aquela que, segundo o próprio, deve ser a última classificação da carreira na Fórmula 1, com o 12º lugar. O britânico ficou no Q2 neste sábado (26), deixando de passar para a fase decisiva da definição do grid de largada do GP de Abu Dhabi.

Button explicou que a mudança das condições da pista foi decisiva para o resultado final dele na classificação em Yas Marina. "Conforme a temperatura cai, você precisa de mais aderência na frente e não tínhamos mais de onde tirar aderência na dianteira", disse.

“Essas saídas de frente custaram um pouco de tempo, mas para ser honesto não estou em uma posição ruim. A mudança de temperatura modificou o equilíbrio do carro e gerou as saídas de frente. Em termos do final de semana, tem sido complicado com a troca de motor, o que nos fez perder tempo de pista", afirmou.

“Amanhã teremos pneus novos, vamos ver como será a estratégia - é interessante ter três jogos de pneus, às vezes é melhor estarmos onde estamos. Não é um lugar ruim para a minha última corrida", acrescentou.

Questionado pela rede de TV britânica Sky Sports F1 se estava apagando momentos ruins do final de semana, Button respondeu: "Não, seria errado fazer isso. A F1 tem sido minha vida por 17 anos, você não apaga momentos, você os vivencia", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Abu Dhabi
Pista Yas Marina Circuit
Pilotos Jenson Button
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias