20 anos: Relembre GP com ‘Big One’ e briga de Schumi em Spa

compartilhar
comentários
20 anos: Relembre GP com ‘Big One’ e briga de Schumi em Spa
30 de ago de 2018 14:40

Há exatas duas décadas, F1 viu GP da Bélgica recheado de acidentes e polêmicas e dobradinha surpreendente da Jordan

Sempre que se fala de grandes acidentes na Fórmula 1 dos últimos anos, uma das primeiras corridas que vêm à mente é o GP da Bélgica de 1998. A prova marcou um dos maiores strikes da categoria, e uma das corridas com mais incidentes em toda a história do campeonato.

O dia 30 de agosto de 1998 nasceu com um tempo tipicamente chuvoso na floresta das Ardenas, onde fica localizado o circuito de Spa-Francorchamps. Depois de utilizar o Safety Car para a largada um ano antes, após uma chuva que caiu poucos minutos antes da partida, em 1998 a direção de provas autorizou uma largada em condições normais com muito mais água na pista do que em 1997.

Big One

Carro de Eddie Irvine, Ferrari F300 após o acidente

Carro de Eddie Irvine, Ferrari F300 após o acidente

Photo by: Rainer W. Schlegelmilch

As McLarens largavam na primeira fila, com Mika Hakkinen em primeiro e David Coulthard em segundo. Após sair mal, o escocês caiu posições na ida até a primeira curva e, após fazê-la, ele ia em direção à Eau Rouge até que pegou um ralo mal colocado e perdeu o controle de seu carro.

A imagem não mostra bem como, mas uma reação em cadeia se iniciou. Além da McLaren, outros 12 carros se envolveram no acidente. Foram eles Eddie Irvine, Alexander Wurz, Johnny Herbert, Jarno Trulli, Jos Verstappen, Pedro Paulo Diniz, Tora Takagi, Shinji Nakano, Rubens Barrichello, Olivier Panis, Mika Salo e Ricardo Rosset.

Confira:

 

Deles, Barrichello – por ter machucado o cotovelo – Panis, Salo e Rosset – por não terem carro reserva (era apenas permitido um carro reserva por time) – não relargaram.

Relargada

Mika Hakkinen, McLaren MP4/13, é acertado por Johnny Herbert, Sauber C17 na saída da La Source

Mika Hakkinen, McLaren MP4/13, é acertado por Johnny Herbert, Sauber C17 na saída da La Source

Photo by: Steven Tee / LAT Images

Na nova saída, Damon Hill (terceiro no grid), que havia largado mal na primeira, foi para ponta, enquanto que atrás dele Michael Schumacher e Mika Hakkinen – rivais na luta pelo campeonato - se tocaram. O contato fez o finlandês rodar e entrar na linha de Johnny Herbert. O inglês da Sauber não teve para onde ir e bateu com o líder do mundial, o tirando da prova.

Rei da chuva da F1 naquela época, demorou pouco para Michael Schumahcer – que já havia liderado o warm-up pela manhã por larga margem – tomar a ponta do inglês da Jordan e liderar uma corrida que parecia fácil. Com Hakkinen abandonando, se ele ganhasse sairia de Spa com três pontos de vantagem no campeonato (no momento, a pontuação estava 77 a 70 a favor do finlandês).

Enquanto isso, a forte chuva seguia tirando pilotos da pista. Wurz e Coulthard bateram ainda na primeira volta da segunda largada, com o austríaco abandonando e o escocês retornando. Takagi, Villeneuve e Irvine foram outros que acabaram batendo nas voltas seguintes.

Briga Schumacher x Coulthard

Michael Schumacher, Ferrari após o acidente

Michael Schumacher, Ferrari após o acidente

Photo by: LAT Images

Na volta 25, Schumacher chegou no companheiro de Hakkinen na McLaren, David Coulthard, para dar uma volta em cima do escocês. Com uma requisição de Jean Todt (chefe da Ferrari) feita a Ron Dennis (chefe da McLaren) nos boxes, Coulthard já sabia que o alemão se aproximava.

No entanto, Schumacher acabou cometendo um erro no procedimento da ultrapassagem e acertou o rival enquanto os dois se dirigiam à curva Pouhou. Furioso, o alemão guiou até o box da Ferrari com três rodas enquanto Coulthard, sem a asa traseira, ia logo atrás. Schumi não pensou duas vezes: entrou na garagem, atirou o volante de seu carro para fora, saiu e foi à caça de Coulthard. Ele chegou a empurrar um membro de sua equipe, e quando chegou aos boxes da McLaren foi contido pelo mecânicos entre frases para o escocês como: ‘você que me matar, p..?’

Sem conseguir chegar a David, o piloto retornou trastornado à garagem da Ferrari após perder seus 10 pontos da vitória.

Dobradinha da Jordan

Damon Hill, Jordan 198 à frente de Ralf Schumacher, Jordan 198

Damon Hill, Jordan 198 à frente de Ralf Schumacher, Jordan 198

Photo by: Sutton Images

Hill assumiu a primeira posição após o ocorrido, mas viu sua distância para seu companheiro Ralf Schumacher desaparecendo duas voltas depois, quando Giancarlo Fisichella tentou entrar no box e não viu a Minardi de Shinji Nakano, destruindo sua Benetton e trazendo o Safety Car à pista.

Na volta, Hill propôs à Jordan (que, diga-se, só havia somado seus primeiros pontos em 1998 em julho, na Inglaterra) que evitasse que Ralf o atacasse a fim de garantir a dobradinha ao time. Chefe da equipe, Eddie Jordan concordou e ordenou ao alemão que ele não atacasse Hill. Algo que enfureceu seu irmão Michael quando soube após a prova, e o fez prometer a Eddie que seu irmão jamais guiaria para sua equipe após 1998.

Ao fim das 44 voltas, Hill ganhou com Ralf Schumacher menos de um segundo atrás e Jean Alesi, da Sauber, completando o pódio. Pontuaram ainda no top-6 Heinz-Harald Frentzen, o brasileiro Pedro Paulo Diniz e Jarno Trulli.

Depois de retornarem após suas batidas, Coulthard e Nakano ainda receberam a bandeirada cinco voltas atrás, fechando os oito dos 22 que conseguiram chegar em uma das corridas que para sempre será uma das mais lembradas de toda a história da F1.

Confira fotos do GP:

Galeria
Lista

Winner Damon Hill, Jordan 198 on the podium with team-mate Ralf Schumacher, Jordan 198

Winner Damon Hill, Jordan 198 on the podium with team-mate Ralf Schumacher, Jordan 198
1/19

Foto de: Sutton Motorsport Images

Race winner Damon Hill, Jordan

Race winner Damon Hill, Jordan
2/19

Foto de: Sutton Motorsport Images

Damon Hill, Jordan 198

Damon Hill, Jordan 198
3/19

Foto de: LAT Images

Damon Hill, Jordan 198 and Ralf Schumacher, Jordan 198

Damon Hill, Jordan 198 and Ralf Schumacher, Jordan 198
4/19

Foto de: Charles Coates / LAT Images

Damon Hill, Jordan 198 leads Ralf Schumacher, Jordan 198

Damon Hill, Jordan 198 leads Ralf Schumacher, Jordan 198
5/19

Foto de: Sutton Motorsport Images

Chrash: Giancarlo Fisichella, Benetton

Chrash: Giancarlo Fisichella, Benetton
6/19

Foto de: LAT Images

Damon Hill, Jordan 198

Damon Hill, Jordan 198
7/19

Foto de: LAT Images

Michael Schumacher, Ferrari

Michael Schumacher, Ferrari
8/19

Foto de: Rainer W. Schlegelmilch

Michael Schumacher, Ferrari F300

Michael Schumacher, Ferrari F300
9/19

Foto de: Rainer W. Schlegelmilch

Heinz-Harald Frentzen, Williams FW20

Heinz-Harald Frentzen, Williams FW20
10/19

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

Damon Hill, Jordan 198 leads Michael Schumacher, Ferrari F300 and Eddie Irvine, Ferrari F300

Damon Hill, Jordan 198 leads Michael Schumacher, Ferrari F300 and Eddie Irvine, Ferrari F300
11/19

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

The car of Eddie Irvine, Ferrari F300 after the crash

The car of Eddie Irvine, Ferrari F300 after the crash
12/19

Foto de: Rainer W. Schlegelmilch

David Coulthard talks with Adrian Newey and Mika Hakkinen in the McLaren pits

David Coulthard talks with Adrian Newey and Mika Hakkinen in the McLaren pits
13/19

Foto de: Rainer W. Schlegelmilch

The wreckage of Jacques Villeneuve, Williams is bought back to the pits after his crash

The wreckage of Jacques Villeneuve, Williams is bought back to the pits after his crash
14/19

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

The aftermath of one of the worst ever F1 Crashes

The aftermath of one of the worst ever F1 Crashes
15/19

Foto de: Sutton Motorsport Images

The wreckage of the Mika Salo, Arrows is bought back to the pits after his crash

The wreckage of the Mika Salo, Arrows is bought back to the pits after his crash
16/19

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

Michael Schumacher, Ferrari F300, collides with Mika Hakkinen, McLaren MP4/13 at the start

Michael Schumacher, Ferrari F300, collides with Mika Hakkinen, McLaren MP4/13 at the start
17/19

Foto de: LAT Images

Mika Hakkinen, McLaren MP4/13, was hit by Johnny Herbert, Sauber C17 on the exit of La Source

Mika Hakkinen, McLaren MP4/13, was hit by Johnny Herbert, Sauber C17 on the exit of La Source
18/19

Foto de: Steven Tee / LAT Images

Damon Hill, Jordan 198 pit board at the end of the race

Damon Hill, Jordan 198 pit board at the end of the race
19/19

Foto de: LAT Images

Próxima Fórmula 1 matéria
Hamilton desfalca dia em Monza por “compromissos pessoais”

Previous article

Hamilton desfalca dia em Monza por “compromissos pessoais”

Next article

Hulkenberg diz ainda ter “sentimentos mistos” com halo

Hulkenberg diz ainda ter “sentimentos mistos” com halo
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Tipo de matéria Conteúdo especial