“Acreditava, não tinha dúvidas”, diz ex-engenheiro de Massa na Ferrari

Atualmente na Williams, Rob Smedley vê merecimento do piloto em resultado e comemora confiança renovada

Após ver de perto os problemas de Felipe Massa desde 2010 na Ferrari, Rob Smedley, atual Chefe de Performance da Williams, acredita que a pole position deste sábado tenha feito crescer a confiança no brasileiro. Segundo ele, sempre houve fé que Massa voltaria a fazer poles e voltaria à grande fase que foi interrompida pelo regulamento de 2009 e o acidente sofrido na Hungria no mesmo ano.

“Acreditava, não tinha dúvidas”, falou Rob ao TotalRace em Spielberg.

“Não estaria aqui se não acreditasse no que estamos tentando conseguir como equipe. Tinha absoluta certeza, sem hesitação.”

“A confiança dele vai aumentar muito. Colocar um carro de Fórmula 1 na pole para um piloto é uma grande realização. Ele está muito feliz. Também é ótimo ver Valtteri em segundo no grid, que é sua melhor posição em grids até hoje. Ele não está feliz, mas isso é bom. Temos dois pilotos que vão dar o máximo para chegar à frente um do outro. Estou muito feliz por isso. Temos pilotos iguais, muito próximos em performance.”

Sendo realista, Smedley acredita em prova difícil amanhã para a Williams, e vê a Mercedes um pouco mais rápida. “Acho que se formos olhar para os melhores setores sem combustível, acho que a Mercedes está 0.3s à nossa frente.”

“Termos os dois carros na primeira fila foi por problemas da parte deles. Mas automobilismo é assim, você tem que estar lá. Você tem que estar com seu carro na posição correta. Acho que é justo dizermos que não tínhamos o melhor carro hoje, mas estamos melhorando isso passo a passo. É um circuito que é bom para nós e isso. E já é muito bom que depois de oito corridas estejamos a apenas 0.3s da Mercedes.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias