Administração de Hockenheim se isenta de culpa pelo cancelamento do GP da Alemanha

Etapa alemã da Fórmula 1 não vai acontecer em 2015 por problemas financeiros dos dois circuitos do país.

A administração do circuito de Hockenheim tirou totalmente dos ombros a responsabilidade de não poder sediar o GP da Alemanha deste ano. País ficará sem uma etapa pela primeira vez, desde 1960.

[publicidade]Inicialmente programada para acontecer em Nurburgring esse ano, os administradores do circuito alegaram que não poderiam organizar a prova por problemas financeiros. Entretanto, o outro circuito do país, Hockenheim assumiu a responsabilidade desde que os organizadores garantissem o apoio financeiro, o que não aconteceu.

Isso fez com que a administração do circuito de Hockenheim abrisse mão do evento: “Alguém tinha que estar disposto a assumir o risco financeiro. Como uma empresa de médio porte como a nossa, não foi possível. A decisão sobre o Grand Prix ocorrendo este ano não foi a nossa responsabilidade.", disse Georg Seiler, administrador do local.

Para 2016 a etapa alemã ainda não é certa, tudo dependerá de vários fatores para que ela aconteça.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias