Admitindo erro, Kimi lamenta segunda fila: “é uma pena”

Depois de liderar a sexta-feira e o Q3 após a primeira série de voltas, finlandês esperava ao menos lugar na primeira linha

A Ferrari teve mais um dia ruim neste ano. Neste sábado, durante o Q3 da classificação para o GP da China, os dois pilotos do time de Maranello, Kimi Raikkonen e Sebastian Vettel, erraram no mesmo ponto (freada após a reta oposta) em suas últimas voltas na sessão.

Pior para o tetracampeão do mundo, que foi obrigado a largar de quarto após quase sair da pista. Kimi se deu um pouco melhor. Constantemente mais rápido que Sebastian neste final de semana, ele largará a corrida deste domingo em terceiro no grid.

Porém, mesmo se classificando pela primeira vez no ano à frente do companheiro de equipe, ele se confessou chateado após sair de seu carro.

“Sim, errei”, assumiu.

“E mesmo na volta anterior, acabei errando um pouco neste mesmo ponto. Na segunda volta eu vinha pior do que na primeira, então acabei cometendo um erro no cotovelo após o retão e perdemos muito tempo.”

“É uma pena. Tínhamos a possibilidade de estar mais à frente hoje, mas as coisas ficaram assim.”

“Vamos tentar fazer o melhor amanhã.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Sub-evento Sábado
Pista Shanghai International Circuit
Pilotos Kimi Raikkonen
Tipo de artigo Últimas notícias