Alonso confia na McLaren: “tudo é questão de tempo”

compartilhar
comentários
Alonso confia na McLaren: “tudo é questão de tempo”
Por: Gabriel Lima
20 de jul de 2015 13:50

Piloto espanhol confia que equipe inglesa dará passos “muito grandes” na segunda metade desta temporada

Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren no desfile de pilotos
Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren com Carlos Sainz Jr., Scuderia Toro Rosso

Com apenas cinco pontos em nove etapas, o início de temporada da McLaren em sua nova parceria com a Honda não tem sido o aguardado. Mesmo assim, o bicampeão Fernando Alonso continua positivo.

"Eu acho que a segunda parte do ano vai mostrar uma McLaren completamente diferente, muito mais competitiva", disse o espanhol. "Os passos que vamos dar são muito grandes.”

"Isso não é muito difícil quando você está na parte de trás do grid e dois segundos mais lento que o resto - cada passo que você dá ganha meio segundo ou oito décimos. Quando você está lutando por pódios, ganha só 0.1s a cada duas semanas. Acho que vamos chegar muito mais perto do resto na segunda parte do campeonato."

Porém, mesmo mostrando grande otimismo, Alonso admitiu que duas das próximas três corridas - na Bélgica em agosto e na Itália em setembro – estão na lista de pistas onde o MP4-30 não consegue render por suas deficiência crônicas.

"Áustria, Canadá, Spa e Monza são os quatro circuitos onde se precisa de mais potência", comentou. "A natureza destas pistas não é boa para nós. Já passamos de duas, ainda faltam duas."

Alonso também enfatiza que a parceria McLaren-Honda é muito mais um projeto de longo prazo, sem fazer grandes previsões para o futuro próximo.

"Estou feliz com o carro, com a filosofia de desenvolvê-lo e com os próximos passos que virão", declarou. "Estou feliz com o progresso da Honda. Obviamente tivemos que usar muitas peças - em oito corridas cinco motores é muita coisa. Mas isso significa que estamos aprendendo muito, o que é muito bem-vindo.”

"O importante é não ficar frustrado e continuar trabalhando. Nós temos o talento, os recursos e o comprometimento. Tudo é uma questão de tempo."

Após quatro abandonos consecutivos, Alonso conquistou seu primeiro ponto do ano no GP da Grã-Bretanha, última etapa disputada.

Próxima Fórmula 1 matéria
Ex-presidente da Ferrari diz que Bianchi substituiria Raikkonen

Previous article

Ex-presidente da Ferrari diz que Bianchi substituiria Raikkonen

Next article

Williams espera dificuldades na Hungria: “será complicado”

Williams espera dificuldades na Hungria: “será complicado”
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso Shop Now
Equipes McLaren Shop Now
Autor Gabriel Lima
Tipo de matéria Últimas notícias