Alonso enfrenta problemas e não completa voltas pela manhã

Com espanhol na garagem na manhã de testes, McLaren admite que ainda enfrenta problemas de confiabilidade

Fernando Alonso enfrentou nova frustração em Barcelona na manhã desta quinta-feira, quando problemas técnicos não especificados em sua McLaren-Honda o deixaram confinado na garagem.

A McLaren tinha conseguido um início encorajador depois de completar 254 voltas nos três dias de abertura, antes de Jenson Button parar com um incêndio causado por um vazamento hidráulico na quarta-feira de tarde.

Com o trabalho realizado durante a noite, a McLaren foi capaz de colocar Alonso na pista logo no começo na manhã desta quinta-feira.

Mas depois de três voltas de instalação, a equipe descobriu alguns problemas com a pressão da água assim que começou as verificações mais detalhadas sobre o carro.

Mecânicos foram vistos removendo a tampa do motor e trabalhando na parte de trás do carro, o que significa que Alonso foi obrigado a ficar na garagem.

A Honda disse no Twitter que espera que o espanhol volte à pista pela tarde.

O chefe de F1 da Honda, Yusuke Hasegawa, admitiu nesta semana que a fabricante japonesa ainda precisava testar mais a confiabilidade para o GP da Austrália, no dia 20 de março.

"Confiabilidade é uma das coisas muito importantes para atualizar neste ano. Mas, como já disse, ainda temos alguns pequenos problemas, por isso temos de confirmar que cada parte esteja bem para a corrida."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento Teste de fevereiro em Barcelona
Pista Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Fernando Alonso
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias