Alonso evoca “espirito de samurai” para bom resultado no Japão

Vencedor em solo japonês por duas vezes, espanhol da McLaren destaca afinidade com povo e cultura oriental

Fã de cultura japonesa, Fernando Alonso aguarda ansiosamente o GP em Suzuka, a ser disputado em 53 voltas neste final de semana. A pista é uma das mais difíceis do ano, mas ele não se intimida com o desafio. Foi lá que o espanhol venceu em 2006. Esta vitória foi importantíssima na conquista de seu segundo título, já que seu rival, Michael Schumacher, abandonou.

Ele espera utilizar a cultura dos guerreiros locais a seu favor. “Vamos levar o espírito de samurai conosco para Suzuka, e, como de costume, não vamos desistir", falou Alonso.

"Como Jenson, tenho uma afinidade forte com o Japão. Eu amo o país e sempre fui fascinado por sua cultura. Eu também adoro correr: ganhei tanto em Suzuka como em Fuji, por isso tenho um muitas lembranças especiais. Os fãs são únicos e o circuito merece o seu status de lendário – é um dos mais emocionantes do calendário.”

"É um circuito muito duro, e um teste enorme para os pilotos. Há muitas curvas que são realmente estreitas e irregulares, então você precisa estar bem em todas as curvas.”

Após não pontuar na última prova, Fernando prega pela cautela no Japão. "Cingapura ficou para trás e Suzuka será certamente um desafio.”

“Nosso carro está bem equilibrado e bom para dirigir. Mas em um circuito com uma velocidade média alta, será difícil de bater nossos concorrentes.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pista Suzuka
Pilotos Fernando Alonso
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias