"Alonso não está tentado a ir para a Red Bull", diz Briatore

compartilhar
comentários
Por: Julianne Cerasoli
2 de ago de 2013 10:54

Empresário afirma que piloto espanhol quer permanecer na Ferrari e que seria companheiro de qualquer um

Empresário e amigo pessoal de Fernando Alonso, Flavio Briatore garantiu que não passa pela cabeça do espanhol deixar a Ferrari para ir para a Red Bull na próxima temporada. O italiano ressaltou em entrevista à Gazzetta dello Sport que o piloto tem contrato com o time de Maranello até 2016. “Fernando tem um contrato e contratos devem ser respeitados.”

Perguntado se Alonso gostaria de estar na Red Bull no lugar de Webber, Briatore negou. “Não, não há nenhuma tentação.”

“É normal um piloto querer um carro competitivo e a equipe deve trabalhar duro para dar isso. E ponto final. Alonso nunca disse que quer sair. A dupla Ferrari-Alonso segue sendo vencedora.”

O italiano só acredita que o piloto precisa de um carro que se classifique melhor para lutar pelo título.

“Ele precisa de um carro que o permita largar nas duas primeiras filas. Sabíamos que seria duro na Hungria, assim como era quando eu estava na Renault. Eles precisam achar o manual de instruções em Maranello rapidamente.”

Briatore ressaltou que Alonso poderia já ter dois títulos pela Ferrari, em 2010 e 2012, oportunidades em que perdeu a disputa justamente para a Red Bull de Vettel na última corrida.

“Você também tem de lembrar que ele perdeu o título duas vezes na última corrida e, ano passado em Interlagos a sorte teve sua parcela. Depois de uma rodada como a de Vettel, geralmente o motor apaga, mas isso não aconteceu.”

Perguntado sobre quem seria o companheiro de equipe ideal para o espanhol, seu empresário afirmou que Alonso poderia dividir o time com qualquer um. “Fernando nunca teve problemas com correr com ninguém. Ele é como Senna. Ayrton diria ‘coloque quem quer que seja ao meu lado’. É assim que os fortes são.”

Sobre a situação da McLaren em 2007, quando Alonso teve dificuldades para lidar com Lewis Hamilton, o italiano culpou a administração da equipe. “Aquilo foi porque a McLaren fez de tudo para criar confusão. Uma equipe de ponta tem de saber lidar com dois pilotos fortes.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Mercedes divulga vídeo com som do novo motor da Fórmula 1

Previous article

Mercedes divulga vídeo com som do novo motor da Fórmula 1

Next article

Grosjean vê potencial em segunda metade da temporada

Grosjean vê potencial em segunda metade da temporada
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso Shop Now
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias