Alonso poderá perder até 20 posições no grid do GP da Áustria

Piloto espanhol andará com novo pacote aerodinâmico da McLaren e time opta por sacrificar prova.

Continuando o ano difícil de desenvolvimento entre Honda e McLaren, Fernando Alonso deverá receber punições de grid neste final de semana, no GP da Áustria. O espanhol, de retorno à casa de Woking em 2015, andará nesta corrida com um novo pacote aerodinâmico desenvolvido por seu time.

O pacote consiste em um bico mais curto e asas dianteiras e traseiras revisadas. Alonso foi o piloto eleito para a utilização da novidade no Red Bull Ring porque já foi preterido no GP da China, quando Button utilizou os avanços. Além disso, o espanhol também andará na sessão de testes pós-corrida, na terça-feira (Vandoorne andará na quarta). Como terá um dia a mais que Button – que já testou na Espanha após o GP –, o time inglês decidiu que Fernando era a melhor escolha para usar o novo pacote.

Alonso atualmente está no quarto e último motor a combustão (ICE), no quarto Turbo, quarto MGU-H e quarta centralina eletrônica. Ou seja, se trocar três desses componentes, terá uma penalização de 20 posições para a corrida. A Honda confirma que espera punições no grid de largada para o espanhol.

"A Honda está fazendo atualizações na unidade de potência de Fernando, que serão confirmadas na sexta-feira de manhã. Como resultado, nós estamos esperando punições no grid", disse um porta-voz à BBC.

Segundo o artigo 28.4 do regulamento esportivo, se o piloto não conseguir perder todas as posições de grid que deveria por troca pela quinta vez de algum item da unidade motriz, ele iniciará a prova com uma outra punição a cumprir. Ela varia pela quantidade de lugares que o piloto não pôde perder por já estar largando de último. Confira:

-Se sobrar entre 1 e 5 lugares, uma punição de 5 segundos antes da primeira parada;
-Se sobrar entre 6 e 10 lugares, uma punição de 10 segundos antes da primeira parada;
-Se sobrar entre 11 e 20 lugares, um drive-through;
-Se sobrar entre mais de 20 lugares um stop and go de 10 segundos.

Para a McLaren, as corridas em Silverstone e na Hungria são melhores para o MP4-30, por isso, para tentar usufruir o máximo, também considera trocar partes da unidade Button na Áustria - que é veloz e tem grande retas, fraqueza do projeto.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Áustria
Sub-evento Quinta-feira
Pista Red Bull Ring
Pilotos Jenson Button , Fernando Alonso
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias