Alonso reconhece que Ferrari está lenta e espera reação

Sétimo e longe dos líderes, espanhol segue confiante de que o campeonato possa dar a mesma guinada de 2010

Alonso acredita na reação da Ferrari:

Fernando Alonso fez uma corrida apática e terminou apenas em sétimo lugar no GP da China. Mesmo reconhecendo que a Ferrari está longe dos ponteiros, o espanhol se espelha na virada que conseguiu no campeonato de 2010 para continuar confiante.

“Não dá para estar contente descendo do carro em sétimo lugar, mas sigo 100% confiante. O campeonato é muito longo. No ano passado, parecia que tudo estava perdido e, no final, conseguimos uma boa virada. Este ano sabemos que, cedo ou tarde, a reação vai chegar”, afirmou o espanhol, em entrevista acompanhada pelo TotalRace.

>> >> >> >> >> >>
“Na Malásia, tivemos uma boa surpresa com a competitividade que mostramos no domingo. Hoje, tivemos uma má supresa. Não conseguimos nos manter junto aos carros que estavam à frente”, reconheceu o piloto da Ferrari.

A corrida de Alonso começou ruim, com uma má largada e a perda de posição para Felipe Massa.

“Na largada, perdi uma posição, e depois do primeiro pit stop perdi entre dez e doze segundos atrás de Michael (Schumacher). Assim me desprendi dos primeiros”, explicou.

(colaborou Felipe Motta, de Xangai)

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias