Alonso revela que carro lento desgasta menos fisicamente

"Parece que está tudo em câmera lenta", descreve espanhol, que diz sofrer mais quando está no meio do pelotão

Alonso diz que correr em grupo é o que desgasta mais

Se há algo com que os pilotos da Ferrari não vêm tendo de se preocupar é com o desgaste físico ao guiar o F2012. Pelo menos é o que garante Fernando Alonso. De acordo com o espanhol, quanto mais lento o carro, menor é o esforço.

“No final das contas, normalmente o carro que te faz cansar mais é o mais rápido porque há mais força G nas curvas e as acelerações e desacelerações são mais fortes do que em um carro mais lento, no qual você cansa menos porque parece que tudo acontece em câmera lenta.”

Por outro lado, a tensão de disputar posições constantemente no meio do pelotão acaba fazendo diferença nas corridas e o fato de não poder descansar quando se anda em trenzinhos, como aconteceu no GP da China, por exemplo, acaba provocando mais cansaço.

“Mas o que realmente muda em relação ao desgaste é se você está disputando posição ou não, correndo em grupo. Corridas como a da China, por exemplo, em que você sempre está no meio do tráfego e não pode se descuidar em momento algum senão algum carro lhe ultrapassa ou você pode aproveitar o erro de alguém que está à frente. Isso cria um pouco mais de tensão e, consequentemente, de cansaço.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso
Tipo de artigo Últimas notícias