Altitude ajudou Red Bull a dominar no México, diz Horner

compartilhar
comentários
Altitude ajudou Red Bull a dominar no México, diz Horner
Jonathan Noble
Por: Jonathan Noble , Formula 1 Editor
31 de out de 2017 12:42

Chefe da equipe afirma que ar menos denso da região ajudou a equilibrar as forças entre os motores

Race winner Max Verstappen, Red Bull Racing
Christian Horner, Red Bull Racing Team Principal
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13 leads at the start of the race with Lewis Hamilton, Mercedes-Benz F1 W08 and rear puncture after colliding with Sebastian Vettel, Ferrari SF70H
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13, Lewis Hamilton, Mercedes-Benz F1 W08 and Sebastian Vettel, Ferrari SF70H battle at the start of the race
Start: Max Verstappen, Red Bull Racing RB13 leads Sebastian Vettel, Ferrari SF70H and Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W08 into turn 2
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13, Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W08
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13 leads at the start of the race with Lewis Hamilton, Mercedes-Benz F1 W08 and rear puncture after colliding with Sebastian Vettel, Ferrari SF70H
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB13, Lance Stroll, Williams FW40

A Red Bull acredita que um rendimento mais parelho entre os motores no México, provocado pela altitude e o ar menos denso, foi fundamental para a vitória dominante do time.

Max Verstappen teve um fim de semana avassalador. Ele perdeu a pole position por pequena margem no sábado, mas superou Sebastian Vettel na curva 1 e venceu de forma dominante.

A Red Bull sabe que tem um carro eficiente em termos de aerodinâmica, mas, no México, ela não foi atrapalhada pela falta de potência no motor, já que houve um rendimento mais parelho pelo ar menos denso.

O chefe da equipe, Christian Horner, disse: “Acho que o motor teve um papel de menor importância. Foi nosso rendimento mais competitivo em linha reta durante toda a temporada”, comentou.

“Nós ficamos próximos da pole position, sendo que nosso modo de classificação é o mesmo de nosso modo de corrida. Portanto, fomos muito competitivos em ritmo de corrida.”

“Essa altitude, como vimos nas últimas temporadas, tem equilibrado as coisas nesse sentido.”

Apesar dos principais rivais de Verstappen pela vitória – Vettel e Lewis Hamilton – terem ficado praticamente fora da briga após um toque na primeira volta, Horner considera que nenhum deles seria capaz de superar o holandês.

“Tenho em mente que demos uma volta em Lewis e estávamos nos aproximando de Sebastian. Acho que, com o ritmo que conseguimos tirar do carro, não tenho dúvidas de que estávamos em ótima forma”, disse Horner.

A maior frustração para a Red Bull foi que houve o desperdício da oportunidade de ter dois carros no pódio, já que Daniel Ricciardo abandonou com um problema no MGU-H.

“Acho que Daniel poderia ter sido ao menos terceiro. Ele estava logo atrás de Kimi [Raikkonen] e estava indo bem, e acho que ele poderia ter, na verdade, incomodado bastante [Valtteri] Bottas”, comentou.

“Foi uma pena que não tivemos dois carros no pódio. Mas Daniel teve uma ótima sequência de resultados no começo do ano e, como sempre disse, as coisas tendem sempre a se equilibrar.”

Próxima Fórmula 1 matéria

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do México
Localização Autodromo Hermanos Rodriguez
Pilotos Daniel Ricciardo, Max Verstappen
Equipes Red Bull Racing
Autor Jonathan Noble
Tipo de matéria Últimas notícias