Análise técnica de Giorgio Piola
Assunto

Análise técnica de Giorgio Piola

Análise Técnica: A encruzilhada enfrentada pela Force India

compartilhar
comentários
Análise Técnica: A encruzilhada enfrentada pela Force India
Gary Anderson
Por: Gary Anderson
18 de abr de 2018 20:24

Em meio a um começo de temporada ruim, a equipe vem lutando por solução para o que descreveu como uma questão "fundamental" em seu novo carro

A Force India tem tido dificuldades para igualar seus níveis de desempenho das duas últimas temporadas na Fórmula 1, marcando apenas um ponto nas três primeiras corridas de 2018. Um dos problemas que admitiu é a falta de correlação entre o túnel de vento/CFD e a pista.

Esse problema só foi detectado após a conclusão dos testes de pré-temporada, o que significa que os três primeiros fins de semana de corrida foram para tentar entender e corrigir o problema.

Isto é sempre muito difícil, já que tudo o que está perto do chão sofrerá sempre diferentes maneiras de separação de fluxo de ar para o que as ferramentas de pesquisa predizem. Às vezes você pode viver com isso, mas às vezes mascara o verdadeiro desempenho do carro.

No Bahrein e na China, a Force India introduziu algumas variações no difusor, com o desenho acima mostrando a versão mais recente.

O difusor de cada equipe irá parar até certo ponto, quando a traseira do carro estiver perto do solo, o que reduz o arrasto e permite velocidades máximas mais altas.

Mas com isso, reduz a força descendente, e é de vital importância que esse fluxo de ar se reconecte no momento em que a traseira do carro começa a subir. Caso contrário, a frenagem se torna um pesadelo para o piloto.

A asa traseira superior e a maneira como o fluxo de ar se reconecta quando o DRS está fechado também afetará a reinserção do fluxo de ar do difusor, assim como alguns dos outros componentes aerodinâmicos.

Então, quando você tem um problema, não é fácil identificar a área que o motiva. E, como qualquer problema, é importante corrigi-lo na fonte, caso contrário, é apenas uma bandagem temporária, uma medida paliativa.

Próxima Fórmula 1 matéria
Raikkonen: relação de forças da F1 muda “corrida a corrida”

Previous article

Raikkonen: relação de forças da F1 muda “corrida a corrida”

Next article

Chefe explica porque Hamilton não parou durante Safety Car

Chefe explica porque Hamilton não parou durante Safety Car
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Force India
Autor Gary Anderson
Tipo de matéria Últimas notícias