Apenas quatro resultados que aconteceram em 2014 dariam título a Rosberg

Alemão precisa de cenários incomuns para se consagrar campeão pela primeira vez neste final de semana

A dificuldade da missão de Nico Rosberg em conquistar seu primeiro título da Fórmula 1 é mostrada pelo histórico de sua batalha com Lewis Hamilton nas 18 etapas disputadas até aqui na temporada 2014: em apenas quatro delas ocorreram resultados que, caso se repitam, dariam o campeonato ao piloto alemão.

[publicidade] Hamilton chega a Abu Dhabi, neste final de semana, sabendo que será campeão mesmo com um segundo lugar, independentemente do resultado do companheiro de Mercedes. A diferença entre os dois é de 17 pontos e, na etapa final, a pontuação será dobrada, pela primeira vez na história da Fórmula 1.

Entre os resultados que dariam o título a Rosberg, estão as provas de abertura da temporada, na Austrália, e os GPs do Canadá e da Bélgica. Nas três oportunidades, Hamilton abandonou, sendo em duas delas por problemas de confiabilidade. No caso de uma nova prova sem que o rival some pontos, o alemão ainda assim precisaria de um quinto lugar, no mínimo, para levar o título.

Outra situação que favoreceria Rosberg seria uma repetição do que aconteceu na 10ª etapa do ano, na Alemanha, quando o piloto da casa venceu e Hamilton foi o terceiro. Nesse cenário, Nico levaria disputa por apenas três pontos.

Um repeteco dos resultados das 14 demais provas disputadas em 2014, por outro lado, daria o bicampeonato a Hamilton. Confira todos os cenários possíveis neste link.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias