Após Bahrein, Red Bull vê Honda como possibilidade para 2019

compartilhar
comentários
Após Bahrein, Red Bull vê Honda como possibilidade para 2019
Adam Cooper
Por: Adam Cooper
11 de abr de 2018 11:35

Chefes e pilotos elogiam atuações do motor japonês e de Pierre Gasly em Sakhir, mas são cautelosos: “quando for a hora certa, tomaremos nossa decisão”

Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB14
The car of Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB14 Tag Heuer, is recovered
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB14 on the grid
Helmut Markko, Consultant, Red Bull Racing, congratulates the Toro Rosso team on a 4th placed finish
Pierre Gasly, Toro Rosso, is congratulated on a good result by Helmut Markko, Consultant, Red Bull R
Pierre Gasly, Toro Rosso STR13 Honda, Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09
Pierre Gasly, Scuderia Toro Rosso STR13

Após o bom quinto lugar de Pierre Gasly no Bahrein, a Honda está melhorando suas chances de conseguir um acordo com a Red Bull para a próxima temporada. A equipe austríaca está com a Renault (rebatizado de TAG Heuer) atualmente, mas a relação está estremecida, além do que, o contrato entre as duas partes acaba no fim deste ano.

A forma atual da Honda inevitavelmente impulsionou a especulação de que a Red Bull pode mudar de fornecedor no ano que vem.

"Isso está ajudando as chances deles de parecerem atraentes para a Red Bull", disse Ricciardo. "Pelo menos no momento não tem nada a ver comigo. E eu quero dizer isso, porque eu não estou contratado pela equipe para o próximo ano”.

"Mas essas discussões sobre motores, você sabe, não envolvem os pilotos. Estou ciente de que pode haver algumas mudanças no próximo ano. E é legal para a Honda.”

"Eles obviamente investiram bastante nos últimos anos, e não funcionou com a McLaren. Mas é muito legal que agora a Toro Rosso esteja indo bem."

O consultor da Red Bull, Helmut Marko, deixou claro que as chances de uma troca aumentaram, já que a Honda mostrou melhoras em 2018.

"Antes de tomarmos a decisão de trabalhar com a Honda, acreditávamos que poderia ser um pacote de sucesso, uma vez que eles nos mostrassem o que planejavam fazer", disse ele ao Motorsport.com.

"Quando for a hora certa, tomaremos nossa decisão. Há um quadro maior que temos de analisar.”

"Estamos indo na direção certa, e vocês jornalistas devem saber que somos corajosos."

O chefe da equipe, Christian Horner, insistiu que a Red Bull não está com pressa, sugerindo que deve esperar até agosto.

"Temos um ótimo lugar para acompanhar o progresso deles na primeira metade da temporada. Esse é o nosso plano de jogo", disse Horner.

O companheiro de equipe de Ricciardo, Max Verstappen, insistiu que a Honda ainda não está em seu radar.

"Eu não estive pensando sobre isso. E para ser honesto, não cabe a mim. Qualquer equipe, quanto mais potência você pode ter, melhor. Mas ainda é cedo, é claro, então vamos ver", disse ele.

No entanto, ele reconheceu o desempenho de Gasly: "foi ótimo ver. Eu estava de pé ao lado de Helmut quando estávamos assistindo a classificação, e foi ótimo ver Pierre em uma ótima volta”.

"Eu acho que todo o pacote parece ser bem decente."

Próxima Fórmula 1 matéria
Alonso: "Para nós, coerência tem que ser a chave"

Previous article

Alonso: "Para nós, coerência tem que ser a chave"

Next article

Alonso abre escola de kart na China

Alonso abre escola de kart na China

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Red Bull Racing
Autor Adam Cooper
Tipo de matéria Últimas notícias