Após chuva, Webber desconectou rádio do capacete: "Decisão difícil"

Australiano revela que a água interferiu nos sistemas de ambas as Red Bull, assim como na telemetria da Ferrari de Alonso

Chuvarada interferiu nos sistemas da Red Bull

A forte chuva no início do GP da Malásia acabou atrapalhando o funcionamento de alguns sistemas dos carros. Foi divulgado após a prova que a telemetria do carro de Fernando Alonso parou de funcionar e o piloto teve de informar a equipe, com dados que lia no volante, sobre consumo de combustível, baterias do Kers, etc.

Na Red Bull, ambos os pilotos tiveram problemas no funcionamento de seus rádios, o que levou Mark Webber a tomar uma decisão drástica: “Acabei tirando minha comunicação do capacete porque estava me distraindo demais. Eram gritos e estática nos meus ouvidos, que mudavam de acordo com a curva. Estava muito alto também”, revelou em sua coluna na BBC.

“Foi uma decisão difícil, porque você sabe que, quando tirar sua comunicação, é impossível voltar atrás. Mas tinha de fazer isso. [Distrações] não são o que você precisa em uma pista complicada como da Malásia e ainda por cima no molhado.”

Afirmando que a Red Bull deu um “passo gigante” na melhoria do carro na Malásia, o australiano salientou que o surpreendente resultado da prova de Sepang foi mais consequência da decisões estratégicas do que do ritmo de corrida em si.

“Há várias oportunidades para cometer erros nestas condições, mas suas equipes acertaram a maioria das decisões estratégicas e pit stops – e quando Fernando e Perez se viram na frente eles não estavam passeando.”

Webber explicou que a decisão de Perez colocar os pneus de chuva extrema logo no início, que o colocou entre os ponteiros, era a correta pensando nas condições de pista, mas era difícil pela incerteza do clima malaio, e por isso os demais demoraram um pouco mais.

“Mas ele se garantiu, no entanto. Não dá para terminar em segundo apenas por uma boa escolha na estratégia. O GP é longo, o carro estava bem equilibrado e ele fez o trabalho bem feito. Quanto a Fernando, ele teve uma condução suave e aproveitou as oportunidades, como sempre faz. Junte isso a dias ruins para Jenson Button e Sebastian Vettel e você tem um resultado bizarro.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Pilotos Mark Webber
Tipo de artigo Últimas notícias