Após “GP porcaria” em 2014, Kvyat quer bom resultado em Sochi

Único russo da Fórmula 1, piloto da Red Bull diz que atenção dos fãs será especial em sua segunda GP de casa

Em seu segundo ano de realização, o GP da Rússia mais uma vez contará com o piloto Daniil Kvyat no grid da Fórmula 1. Desta vez, ele participará da corrida pela equipe Red Bull, e tem expectativas altas para o próximo final de semana, disputada no parque olímpico de Sochi.

"Eu descreveria Sochi como uma pista no estilo clássico moderno. Mas o que é realmente importante é que há muito espaço para ultrapassagens, o que geralmente contribui para uma boa corrida”, falou.

“A pista tem algumas seções muito interessantes, bastante incomuns. Há alguns pontos de frenagem desafiadores, na curva 13 por exemplo. A curva 4 é bastante difícil. Caracterizo a pista como um circuito muito técnico.”

“Não há realmente uma curva que se destaque. Tendo dito isso, esta é minha corrida de casa e gosto muito. A atmosfera no ano passado foi fantástica, tínhamos muitos fãs me dando apoio. É realmente incrível estar lá.”

O piloto espera reverter a má corrida que fez no ano passado de Toro Rosso, quando chegou apenas em 14º após largar em quinto. "No ano passado a classificação foi excelente, mas a corrida foi... como eu posso dizer isso... uma porcaria. Tivemos problemas com o consumo de combustível e foi um dia muito decepcionante. Espero que nós sejamos capazes de dar aos fãs mais motivos para festejarem neste ano.”

"Às vezes você tem atenção demais, mas isso é parte do jogo. Isso significa que você está fazendo algo bom, o que é um ponto positivo. Você tem que entender os fãs, que estão vindo para te apoiar. Isso é algo muito especial."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Daniil Kvyat
Tipo de artigo Últimas notícias