Após incidente, Lotus pede cautela a pilotos em futuras disputas

Maldonado e Grosjean se tocaram na curva 3, o que levou o venezuelano voltas depois a abandonar por danos na asa

 

Apesar do oitavo lugar conquistado pelo francês Romain Grosjean neste domingo, a Lotus viu um toque entre seus dois pilotos durante o GP da Espanha deste domingo. Ambos se encontraram na curva 3, após o francês errar a curva 1. Maldonado, que recebeu um toque de Romain, acabou tendo sua asa danificada e a lateral cedeu enquanto ele passava Max Verstappen.

Chefe de operações do time, Alan Permane não vê motivo para crise no incidente, mas quer mais responsabilidade de seus dois pilotos.

"Obviamente ver seus pilotos se tocando não é ideal. Não posso dizer que foi culpa de um ou culpa do outro, honestamente", disse ele.

"Nós já passamos por tudo isso e assistimos o vídeo. Todo mundo teve uma opinião ligeiramente diferente. Eu apenas disse 'não vamos deixar isso acontecer novamente'. Isso poderia ter sido evitado, então nunca é bom."

O dano que fez o venezuelano Maldonado abandonar nas voltas seguintes ao confronto veio do incidentes da curva 3.

A Lotus ainda removeu a lateral da asa em um pit stop e, mais tarde, escolheu retirar o carro da pista.

"A FIA veio no rádio e disse que eles não estavam satisfeitos com a inclinação da asa sob alta velocidade, e eu posso entender isso", explicou Permane. "Se aquilo saísse poderia realmente machucar alguém.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Sub-evento Domingo corrida
Pista Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Pastor Maldonado , Romain Grosjean
Tipo de artigo Últimas notícias