Após volta perfeita, Hamilton só se preocupa com degradação

Inglês dominou o treino de classificação, mas reconhece que todos estão sofrendo com a pouca durabilidade dos pneus

Enquanto os rivais lutavam contra a falta de aderência e o desgaste de pneus mesmo em apenas uma volta lançada, Lewis Hamilton andou em outra categoria na última parte da classificação para garantir a pole no GP de Cingapura, a quinta da temporada.

O inglês afirmou ao TotalRace que conseguiu uma ótima preparação para sua volta mais rápida. Tanto, que não pôde melhorar em sua segunda tentativa.

“Consegui abrir uma boa vantagem na minha frente e os pneus estavam perfeitos. Sempre se pode melhorar na segunda tentativa, mas já estava um pouco atrás depois das duas primeiras curvas . De qualquer maneira, foi uma grande volta. Consegui ganhar em todos os lugares, só freando um pouco mais tarde em todas as curvas e retomando mais rapidamente. Mas nada disso importa, tenho de tentar acertar tudo amanhã.”

Mas o trabalho de Hamilton não terminou com a pole position. O inglês destacou a degradação dos pneus como sua maior fonte de dor de cabeça para a corrida do domingo.

“Acho que todos sentimos a degradação nas sequências mais longas e veremos o que vai acontecer amanhã. Espero que tenhamos feito o trabalho necessário para ter um bom pacote para a corrida e possamos nos colocar na melhor posição possível para vencer.”

A boa notícia, de acordo com o piloto da McLaren, é a expectativa de que os estrategistas não tenham tanto trabalho para calcular o momento certo de fazer as paradas.

“Neste final de semana, parece que há uma diferença maior entre os carros, então isso pode permitir que haja maiores distâncias para facilitar fazer a parada e não voltar no tráfego.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias