Aston Martin adia decisão sobre F1 para janeiro

compartilhar
comentários
Aston Martin adia decisão sobre F1 para janeiro
Adam Cooper
Por: Adam Cooper
16 de dez de 2015 14:02

Segundo apurou o Motorsport.com, a Aston Martin postergou a decisão final sobre a possível entrada na Fórmula 1 para janeiro

#99 AMR Aston Martin Vantage: Alex MacDowall, Darryl O'Young, Fernando Rees
Área da Aston Martin Racing no paddock
Nico Hulkenberg, Sahara Force India F1 VJM08 e Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM08
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM08
#95 Aston Martin Racing Aston Martin Vantage GTE: Marco Sorensen, Christoffer Nygaard, Nicki Thiim
#95 Aston Martin Racing Aston Martin Vantage GTE: Marco Sorensen, Christoffer Nygaard, Nicki Thiim

A Aston Martin ainda considera a entrada na Fórmula 1, mas a decisão final vai demorar um pouco mais para ser oficialmente divulgada. Após ser cogitada ao lado da Red Bull e estabelecer conversas com a Williams - nenhuma tendo avançado significativamente - a fabricante britânica tem a Force India como parceira mais provável caso decida entrar na categoria.

Vijay Mallya, chefe do time indiano, admitiu abertamente que um acordo com a marca britânica seria um grande avanço para a equipe. Apesar de as negociações estarem em andamento, o tema não amadureceu o suficiente para receber o aval da fabricante.

Fontes do Motorsport.com com bom conhecimento da questão indicaram que as conversas acabaram esfriando e o melhor momento passou, com o tema não recebendo o apoio necessário da cúpula da Aston Martin. Segundo a Sky Sports, uma fonte disse a eles: "Há uma inclinação para não entrar - em 2016, pelo menos. Mas é algo que certamente pode ser revisto para o futuro".

Planos mais amplos

Entretanto, Simon Sproule, diretor de marketing e comunicação da Aston Martin, disse ao Motorsport.com que o assunto ainda é discutido dentro da empresa. Além disso, ele deixou claro que as decisões não envolvem somente a F1, mas as demais atividades da marca dentro do esporte a motor.

“Ainda não tomamos nenhuma decisão e não estamos inclinados a fazer isso, seja sobre a F1 ou sobre o nosso envolvimento no esporte a motor, até o Ano Novo. Temos que considerar também nosso envolvimento nas provas de GT e onde queremos chegar com isso. Não estamos olhando para a F1 como um caso isolado", completou.

Próxima Fórmula 1 matéria
Hamilton quase imitou Senna após perder em Mônaco; entenda

Previous article

Hamilton quase imitou Senna após perder em Mônaco; entenda

Next article

Wolff: "Deveríamos parar de romantizar o passado"

Wolff: "Deveríamos parar de romantizar o passado"
Load comments