Barrichello diz que pode evoluir mais duas posições

Brasileiro explica que Williams adotou procedimento diferenciado nas primeiras provas do ano, o que "mascarou" a performance

Rubens Barrichello

Segundo Rubens Barrichello, a performance da Williams na Malásia deve evoluir mais duas posições em relação ao 12º melhor tempo registrado nos treinos desta sexta-feira. 

A explicação do brasileiro é simples: o planejamento da equipe prevê o uso dos pneus novos logo de cara, com o foco nos 'stints' mais longos, simulando o comportamento do carro nas corridas. Isso fez com que os tempos não refletissem o potencial real do carro.
 
"A Williams tem uma característica nessas duas provas (Austrália e Malásia) de usar pneus novos logo no começo dos treinos livres, para depois testarmos apenas long-runs. Então, não usamos o melhor da pista para tempos. Acho que podemos calcular umas duas posições mais para frente. Penso que é possível largar entre os 10. Na corrida, será uma loteria, tanto no seco, como no molhado", afirmou.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Pilotos Rubens Barrichello
Tipo de artigo Últimas notícias