Barrichello fala em futuro aberto, mas admite ficar parado em 2012

compartilhar
comentários
Barrichello fala em futuro aberto, mas admite ficar parado em 2012
Por: Julianne Cerasoli
18 de jan de 2012 10:03

Sem vaga na Williams, piloto evita falar sobre aposentadoria na F-1 e descarta ovais da Indy por promessa

Barrichello fez 19 temporadas na F-1

Após ser substituído por Bruno Senna na Williams, Rubens Barrichello não demonstra pressa para decidir sobre seu futuro. Sem falar em aposentadoria da F-1, o piloto como maior número de Grandes Prêmios na história da categoria afirmou que seu futuro está “aberto”.

“A princípio, não vou procurar nada. Talvez eu só curta a família por um ano. Depois disso acredito que minha paixão pela velocidade não me deixará ficar parado”, afirmou o brasileiro ao Estado de S. Paulo.

Barrichello fez 19 temporadas na Fórmula 1, tornando-se o recordista histórico em participações em GPs, com 322 corridas. Como afirmara que não estava interessado no cockpit da Hispania, único ainda em aberto, o piloto brasileiro deve ficar de fora do campeonato de 2012.

O que o piloto sabe sobre o futuro, no entanto, é que irá cumprir a promessa feita à esposa Silvana de que não correria em ovais, ainda que o amigo Tony Kanaan tenha o chamado para sentar-se a ele na Indy.

“Certamente não correrei nos ovais norte-americanos – prometi isso a minha esposa e vou honrar.”

Falando sobre a possibilidade de Barrichello não voltar ao grid da F-1, o campeão de 1996, Damon Hill, valorizou a conduta do brasileiro nestes 19 anos na categoria.

“Rubens sempre foi bom caráter. As pessoas gostam dele e respeitam ele e suas habilidades. Ele teve uma carreira incrivelmente longa e isso vale muito – ele é o piloto mais experiente da história e as pessoas sentirão sua falta como pessoa e piloto”, afirmou à Autosport.

Para Hill, a volta do brasileiro é improvável. “É muito difícil para os pilotos desistirem, ou serem forçados a desistir de algo que eles realmente amam e que é sua vida. A pena é que não há o que um piloto possa fazer depois de parar. Não há uma maneira gradativa de descer da F-1.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Sem vaga como titular, Sutil terá "ano de transição" em 2012

Previous article

Sem vaga como titular, Sutil terá "ano de transição" em 2012

Next article

"Ele pode estar lá por mérito", diz engenheiro sobre Senna

"Ele pode estar lá por mérito", diz engenheiro sobre Senna
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Rubens Barrichello
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias