Bernie não liga para saída da HRT: "Nunca quis ter 12 times"

Chefão da Fórmula 1 diz que preferia ter apenas 10 equipes na categoria, pois seria mais fácil de manusear

Bernie não quer tantos times

Enquanto muitos gostariam de ver mais equipes no grid da Fórmula 1, como acontecia algumas décadas atrás, o chefão da categoria, Bernie Ecclestone vai na direção contrária. Para o dirigente, melhor seria se a categoria tivesse apenas dez times.

“Eu prefiro dez equipes”, revelou à agência Reuters, quando perguntado sobre a possível saída da HRT. “Nunca quis ter 12 times. Dez times é uma quantidade mais fácil de manusear para os promotores, para o transporte. Eu preferia dez, desde que não perdesse a Ferrari”, argumentou.

Questionado ainda sobre a atual situação da equipe espanhola, que foi colocada a venda em novembro, Bernie se mostrou pessimista em relação ao surgimento de um potencial comprador. “Não acho que alguém iria querer”, finalizou. Caso ninguém se interesse pela compra da equipe, a Fórmula 1 terá apenas 11 times em 2013.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias