Boullier diz que Petrov criticou a equipe de cabeça quente

Chefe da equipe coloca panos quentes no que chamou de "incidente", após russo criticar durante o time após o GP de Abu Dhabi

Boullier conversa com Petrov em 2010

O chefe da Renault Eric Boullier fez questão de diminuir as duras críticas feitas por Vitaly Petrov a respeito da equipe. O francês disse que aceitou as desculpas do piloto e creditou o tom das declarações ao fato do russo estar de cabeça quente logo após o GP de Abu Dhabi, em que novamente ficou fora dos pontos.

Petrov escreveu uma carta para o staff da Renault pedindo desculpas e dizendo que seus comentários foram “inapropriados” e “desnecessários”.

“A entrevista foi feita minutos depois de Vitaly ter saído do carro no domingo. A corrida foi dura, ele estava triste por não ter marcado pontos, estava exausto. Os pilotos não são como robôs, são serem humanos. Além disso, Vitaly é competitivo. Se tivesse chego ao pódio em Abu Dhabi, reclamaria por não ter ganhado a prova.”

Se acordo com Boullier, trata-se apenas de um incidente. “Para nós, o assunto está encerrado.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Vitaly Petrov
Tipo de artigo Últimas notícias