Brasileiros farão 2º e 3º dias em Mugello; Hamilton quer andar

Inglês quer assumir o cockpit da McLaren, que havia decidido usar apenas os pilotos reservas nos testes coletivos

Senna e Massa na pista

As equipes começam a anunciar qual será sua agenda em relação aos pilotos para os testes coletivos de Mugello, na Itália, que serão realizados entre os dias 1 e 3 de maio. Os brasileiros estarão na pista no segundo dia, com Bruno Senna da Williams, e no último, com Felipe Massa da Ferrari.

Fernando Alonso ocupará o cockpit do F2012 nos dois primeiros dias de teste. Já na equipe de Grove, o piloto de testes Valtteri Bottas fará o primeiro dia e Pastor Maldonado encerrará os trabalhos.

A Lotus também terá seu piloto de testes, Jerome D’Ambrosio, no primeiro dia em Mugello. Kimi Raikkonen assume o E20 no segundo dia, deixando Romain Grosjean com a missão de finalizar os trabalhos.

A McLaren divulgou semana passada que os pilotos de testes Garu Paffett e Oliver Turvey fariam os testes, mas Lewis Hamilton espera que essa decisão seja repensada, depois de uma prova ruim no Bahrein.

“Pode ser que mude. Preciso voltar ao carro. Precisamos descobrir por que os pneus estão acabando. Se há coisas para testar ou maneiras de descobrir, eu quero fazer isso, não quero deixar outro fazer.”

Mesmo se quisesse participar dos ensaios, Jenson Button já está escalado para um evento promocional da equipe em Budapeste, na Hungria.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso , Lewis Hamilton , Felipe Massa , Gary Paffett , Pastor Maldonado , Bruno Senna , Valtteri Bottas
Tipo de artigo Últimas notícias