Brawn insiste: “ficar com motores atuais não é uma opção”

compartilhar
comentários
Brawn insiste: “ficar com motores atuais não é uma opção”
14 de dez de 2017 17:29

Britânico se diz surpreso com reações negativas a propostas de motor para 2021 e vê limites em relacionamento com a Ferrari

Diretor esportivo da Fórmula 1, Ross Brawn voltou a insistir em uma mudança de motores para o campeonato a partir de 2021. Ele disse que ficou surpreso pela má recepção à primeira proposta. Segundo Brawn, os times haviam convergido em reuniões, mas acabaram discordando quando tudo se tornou oficial.

"Fiquei bastante surpreso com essas reações", disse ele à Auto Bild, referindo-se também à reação negativa da Mercedes ao quadro proposto.

"Eu estive em algumas reuniões, e pensei que a direção era clara. Todos concordaram unanimemente com os novos objetivos que os motores devem alcançar, e baseamos as novas regras nisso."

Apesar da reação, Brawn insistiu que os desentendimentos não são terminais.

"É como um restaurante onde alguns comem o aperitivo, mas não o prato principal, e vice-versa", disse o britânico.

"É por isso que existem novas discussões ocorrendo agora. Se os fabricantes oferecem melhores soluções, estamos abertos. Mas ficar com as unidades de energia atuais não é uma opção", ele insistiu.

Quanto à ameaça de saída da Ferrari, Brawn disse: "Essa é uma questão retórica.”

"Claro que não queremos perder a Ferrari. A Ferrari se beneficia do que temos de bom na Fórmula 1 e a Fórmula 1 se beneficia da Ferrari. Mas toda parceria tem limites.”

"Então, é uma questão do que a Ferrari pode aceitar e do que podemos aceitar. Queremos encontrar soluções que mantenham todos na Fórmula 1 e, acima de tudo, não queremos perder equipes icônicas.”

"Eles são uma parte importante da Fórmula 1 e devemos respeitá-los e ouvi-los", acrescentou Brawn.

Próxima Fórmula 1 matéria
Massa: O caminho da Williams é financeiro

Previous article

Massa: O caminho da Williams é financeiro

Next article

Chefes da Fórmula 1 ameaçam acabar com Grid Girls

Chefes da Fórmula 1 ameaçam acabar com Grid Girls

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Tipo de matéria Últimas notícias