Bruno Senna compara fim de semana a pesadelo em Abu Dhabi

Irritado pela 14ª colocação no treino classificatório, piloto da Williams se mostrou desapontado com seu ritmo neste sábado

Largando em 14º, enquanto seu companheiro Pastor Maldonado parte de terceiro, Bruno Senna comparou o fim de semana a um pesadelo em Abu Dhabi. O piloto da Williams se mostrou desapontado com seu ritmo no treino classificatório deste sábado, mas está confiante de que terá um bom carro para a prova de amanhã.

"Até agora, foi um pesadelo o fim de semana inteiro. Tive vários problemas. No Q1, meu Kers quebrou. Por isso, tive que mudar o equilíbrio de freio. Depois, ele voltou a funcionar, mas nunca conseguia ir mais e mais. Dentro das condições, ter marcado um tempo três décimos atrás do Pastor não é nada de péssimo. Mas, claro, estou desapontado. Queria estar mais para frente", disse Senna ao TotalRace.

Indagado se o carro estava do seu agrado, Senna disse que não. Se dependesse só dele, o acerto seria diferente. Mesmo assim, o brasileiro confia que tem um bom carro para a prova de amanhã. "O acerto do carro não está ruim, está razoável. Não está como eu deixaria, mas não tive muita oportunidade de fazer meu acerto neste fim de semana. Acredito que para a corrida o carro está rápido e é isso o que importa", completou Senna.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento Abu Dhabi GP
Pilotos Bruno Senna
Tipo de artigo Últimas notícias