Bruno Senna compara pilotar um F-1 com “grande liquidificador”

Piloto da Williams descreve as sensações de entrar dentro do carro e elege suas maiores referências na categoria

Senna usa o simulador da Williams

Em um grande liquidificador. É assim que Bruno Senna define como se sente quando pilota um F-1. E garante que não trocaria nada por isso. Foi o que o novo piloto da Williams revelou em entrevista realizada por meio do twitter da equipe, com perguntas de fãs.

“Tudo acontece muito rápido!”, descreve Bruno, quando perguntado sobre sensações dentro do carro. “Você sente muitas vibrações, é jogado de um lado a outro e é muito quente. A emoção de andar rápido nas curvas, frear no limite e competir não se compara a nada”, garante.

Falando sobre suas referências no esporte, além do tio, Senna citou pilotos que pouco aparecem por sua vida pessoal e o grande rival de Ayrton, Alain Prost.

“Pessoas como Michael Schumacher tiveram grandes carreiras, pela maneira como priorizaram as corridas. Fernando [Alonso] e Sebastian [Vettel] são outros bons exemplos. E há os caras mais antigos, como Alain Prost. Ele era um piloto muito inteligente, que sabia como ganhar corridas e campeonatos. Mas todo de piloto há algo para se tirar.”

Ainda em fase de adaptação na nova equipe, o piloto brasileiro afirmou que o mais importante para ele é estabelecer boas relações.

“A primeira coisa é conhecer todo mundo. Aprender os novos procedimentos de trabalho e iniciar uma boa relação de trabalho. Isso leva tempo e é muito importante.”

Senna se mostrou feliz com a reação à notícia de que seria o novo piloto da Williams, divulgada nesta semana.

“Honestamente, fiquei positivamente surpreendido com o retorno que tivemos. Havia muita expectativa e, assim que as notícias foram divulgadas, todos estavam comentando no meu twitter e no meu site. Para mim, é muito gratificante estar em uma posição na qual as pessoas estão me apoiando com esse tipo de energia.”

Perguntando em qual pista viveria, o piloto se mostrou indeciso, pois gostaria de viver em um lugar com o clima bom. “Monza seria legal. Boa pista, lugar legal e um clima bom, mas para pilotar viveria em Spa e andaria naquela pista o dia todo.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Bruno Senna
Tipo de artigo Últimas notícias