Button: Alonso "é mais difícil de superar" do que Hamilton

compartilhar
comentários
Button: Alonso
Valentin Khorounzhiy
Por: Valentin Khorounzhiy
26 de nov de 2015 16:02

Para Jenson Button, Fernando Alonso é mais consistente em ritmo de corrida do que Lewis Hamilton

(Esquerda para direita): Jenson Button, McLaren, Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, e Fernando Alonso, Ferrari, homenageando Sir Jack Brabham, no grid
Jenson Button, McLaren em fotografia da equipe
Fernando Alonso, McLaren MP4-30
Fernando Alonso, McLaren
Jenson Button, McLaren MP4-30
Jenson Button, McLaren MP4-30

Jenson Button não é de fugir de batalhas internas nas equipes em que pilota. O campeão de 2009 falou sobre o tema, citando especificamente dois companheiros fortes: de 2010 a 2012, Button teve Lewis Hamilton como companheiro de equipe na McLaren. Em 2015, o britânico recebeu a companhia de Fernando Alonso no time de Woking.

Apesar de Hamilton ter conquistado dois títulos nas duas últimas temporadas, Button vê Alonso como um companheiro mais difícil de ser batido em termos de ritmo de corrida. 

"Em uma corrida? Alonso é mais difícil de superar. Ele mais consistente, sempre está lá.  Em alguns dias, Lewis é imbatível, em outros é simplesmente como "onde ele está com a cabeça"? Acredito que Lewis é um piloto diferente hoje, com mais experiência, mas Fernando é mais consistente, sempre competitivo", disse.

Se ele está na sua frente, você fica preso ali. Se ele está atrás de você, sua vida não terá sossego. Mas isso é fantástico, gosto disso. Creio que isso é importante em uma equipe", afirmou.

Button também disse que ele gostaria de continuar como companheiro de Alonso, ressaltando que é mais emocionante ter um duelo interno com o espanhol. Segundo o britânico, Alonso é um piloto sem grandes defeitos. 

"Ter um companheiro de equipe experiente é sempre emocionante, pois quando você sai para a pista e disputa uma posição no grid ou na corrida, pelo menos há uma disputa, em nossa situação. Ele é um piloto completo. Muitos têm pontos fortes, mas também fraquezas significativas. Não creio que ele tenha um ponto fraco significativo", disse.

"Antes deste ano, ele era considerado o melhor piloto do grid. É interessante notar como as pessoas se esquecem das coisas com rapidez", completou.

Próxima Fórmula 1 matéria
Grosjean: Lotus "não merece calvário"

Previous article

Grosjean: Lotus "não merece calvário"

Next article

Nelsinho posta foto em Williams do pai: "1ª vez num F1"

Nelsinho posta foto em Williams do pai: "1ª vez num F1"
Load comments