Cacá Bueno ganha prova com final emocionante em Interlagos

Piloto da Red Bull Racing leva a melhor em disputa com Valdeno e Átila Abreu nas últimas voltas e vence na abertura da Stock Car

Assim como em 2012, Cacá Bueno começou com o pé direito a temporada da Stock Car. O piloto carioca venceu neste domingo o GP de São Paulo após uma grande disputa com Valdeno Brito e Átila Abreu.

Valdeno, após passar Cacá no “S do Senna” e ser ultrapassado pelo mesmo no bico de pato, chegou em segundo após sair na sexta posição. Ricardo Maurício, se aproveitando de problemas no carro de Átila Abreu, chegou em terceiro lugar.

Átila Abreu caiu dramaticamente de posições na última volta, indo de terceiro a 12º colocado. Rubens Barrichello chegou a ser o sétimo após as primeiras paradas, mas vinha em 17º quando furou seu pneu traseiro direito. O piloto chegou em 25º.

Julio Campos, pole position, acabou estourando seu pneu após uma rodada em disputa com Allam Khodair e não completou a prova.

A próxima corrida acontece em 17/03 em Curitiba.

Confira detalhes da prova:

Julio Campos manteve a ponta, com Ricardo Maurício logo atrás. Cacá Bueno caiu de segundo para quarto na partida, com Khodair em terceiro. Enquanto isso, Ricardo Sperafico rodava na saída da reta oposta.

No entanto, ainda na primeira volta, Maurício e Cacá foram para os boxes. Nas duas primeiras voltas 13 pilotos foram aos boxes. Julio Campos parou na volta 3, deixando Átila Abreu em primeiro, com Valdeno Brito em segundo e Marcos Gomes em terceiro. Barrichello era sétimo.

Julio Campos voltou em 11º, logo à frente de Khodair, que o pressionava. À frente do paranaense já vinham Ricardo Maurício, 10º, e Cacá Bueno em nono. Na volta seis, Felipe Lapenna abandonou a prova por problemas mecânicos.

Thiago Camilo fez boa ultrapassagem em Allam Khodair uma volta depois. O paulista quase passou Julio Campos, mas não conseguiu. Na volta seguinte, usando o push-to-pass, Khodair o superou novamente.

Enquanto isso, Átila liderava 1.8s à frente de Valdeno e Fogaça. O grupo de pilotos que já haviam parado era liderado por Cacá Bueno, no nono lugar. Atrás dele vinham Maurício, Campos e Khodair. Duas voltas depois, Cacá era o sexto colocado, trazendo os pilotos que já haviam parado.

A 23 minutos do final, Valdeno parou e voltou entre Ricardo Maurício e Julio Campos, em sétimo. Na volta seguinte, Átila entrou, saindo bem à frente de Rodrigo Pimenta e, mais importante, Cacá Bueno.

Faltando 16 minutos, a diferença era de 3.8s de Abreu para Cacá Bueno, na luta pela terceira posição. Fábio Fogaça e Vitor Genz ainda lideravam. Logo após, Fogaça entrou nos boxes, deixando a Genz o primeiro lugar. Em seguida, Julio Campos rodou sozinho na sétima posição à frente de Allam Khodair e caiu para 15º. Campos estourou seu pneu uma volta depois e abandonou.

Poucas voltas depois, Rubens Barrichello furou seu pneu traseiro direito. O piloto era o 17º colocado.

Nos cinco minutos finais, Genz, sem parar, ainda liderava. Átila era o segundo, Cacá terceiro, seguido de Valdeno, Ricardo Maurício e Khodair no Top 6. A três minutos Genz parou.

Valdeno passou Cacá a duas voltas do fim no "S do Senna". Vandeno tentou atacar Átila no miolo e foi ultrapassado por Cacá que assumiu a liderança. O piloto se manteve na liderança e venceu a prova.

Resultado final:

1.Cacá Bueno (RJ/Red Bull A. Mattheis) 25 voltas / 43:21.489s
2.Valdeno Brito (PB/Shell A. Mattheis) a 0.763s
3.Ricardo Maurício (SP/Eurofarma RC) a 7.906s
4.Daniel Serra (SP/Red Bull A. Mattheis) a 11.861s
5.Tuka Rocha (SP/BMC RZ) a 15.462s
6.Max Wilson (SP/Eurofarma RC) a 15.639s
7.Allam Khodair (SP/Vogel) a 22.250s
8.Luciano Burti (SP/Boettger)a 22.367s
9.Fábio Fogaça (SP/Vogel) a 23.868s
10.Raphael Matos (MG/Hot Car) a 26.836s
11.Galid Osman (SP/RCM) a 28.370s
12.Átila Abreu (SP/Mobil Super Pionner AMG) a 28.591s
13.Marcos Gomes (SP/Carlos Alves) a 30.464s
14.Ricardo Sperafico (PR/Officer ProGP) a 31.167s
15.Lico Kasemodel (PR/Boettger) a 31.184s
16.Diego Nunes (SP/RC3 Bassani) a 35.926s
17.Wellington Justino (GO/Hot Car) a 40.571s
18.Vitor Genz (RS/Gramacho) a 51.813s
19.Thiago Camilo (SP/RCM) a 55.023s
20.Duda Pamplona (SP/Officer ProGP) a 55.783s
21.Popó Bueno (RJ/Shell A. Mattheis) a 56.161s
22.Rodrigo Pimenta (SP/Gramacho) a 1:01.899s
23.Ricardo Zonta (PR/BMC RZ) a 1:21.911s
24.Nonô Figueiredo (SP/Mobil Super Pionner AMG) a 1:22.460s
25.Rubens Barrichello (SP/Full Time) a 1:30.068s
26.Denis Navarro (SP/Voxx) a 1 volta
27.Beto Cavaleiro (SP/Hanier) a 1 volta
28.Sergio Jimenez (SP/Voxx) a 2 voltas
29.Alceu Feldmann (PR/Full Time) a 2 voltas
 
Não completaram:
 
Julio Campos (PR/Prati-Mico’s)
Patrick Gonçalves (BA/RC3 Bassani)
David Muffato (SP/Carlos Alves)
Felipe Lapenna (SP/Hanier)
Rodrigo Sperafico (PR/Prati-Mico’s)
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias