Caindo de terceiro para quinto, Bottas culpa tração e estratégia

Finlandês acredita que Williams não foi "agressiva o bastante" com configuração e reconhece ritmo melhor da Red Bull

Valtteri Bottas largou em terceiro no GP dos Estados Unidos mas teve de amargar a quinta posição na corrida por dois pontos chave: primeiro, a largada ruim, mesmo do lado limpo da pista e, segundo, um misto de bom ritmo e estratégia da Red Bull de Daniel Ricciardo, que pegou as duas Williams de surpresa.

[publicidade] “A tração não foi um problema”, revelou o finlandês ao TotalRace. “Na volta de apresentação, falei para a equipe que a aderência [na largada] estava muito boa, mas não foi o bastante – não fomos agressivos o suficiente com o acerto para a embreagem e esse foi o problema.”

Bottas acredita que Ricciardo demonstrou que a Red Bull era superior à Williams em relação à degradação de pneus em Austin.

“Acho que a degradação de pneus deles era menor: eles conseguiam fazer mais voltas com um ritmo melhor que nós. Esse foi nosso problema hoje e acho também que eles foram melhores do que nós em relação à estratégia.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias