Calderón impulsiona papel na Sauber em 2018

Piloto da GP3 deve testar um F1 pela primeira vez, ao renovar compromisso com equipe suíça

Tatiana Calderón, de 24 anos, foi nomeada piloto de desenvolvimento da Sauber no ano passado, sua função era restrita ao trabalho no simulador, combinado com suas funções na GP3 pela DAMS.

Nesta terça-feira (06) foi anunciado que a colombiana continuará com o time suíço em 2018 como piloto de testes. Alguns detalhes de seu novo programa ainda não foram definidos.

A equipe disse que ela estará "completando sessões de treinos nos simuladores e treinando com engenheiros no local durante vários fins de semana de GP."

Espera-se, no entanto, que ela tenha, pelo menos algumas experiências em um carro de F1 que não seja atual, como parte do papel.

"Estou muito animada em continuar com a Alfa Romeo Sauber", disse Calderón. "Nós nos saímos muito bem no ano passado e eles contribuíram muito para o meu desenvolvimento.”

"Então eu estou animada em ser promovida como piloto de testes e quero agradecer a equipe por acreditar em mim e também a meus patrocinadores."

Calderón combinará seu novo papel na Sauber com uma terceira temporada na GP3. Ela concluiu o teste de pré-temporada em Paul Ricard com o quinto melhor tempo.

O chefe da equipe, Frederic Vasseur acrescentou: "Estamos muito satisfeitos em continuar nossa colaboração com Tatiana Calderón como nossa piloto de testes.”

"Tatiana é uma pessoa muito trabalhadora, que impressionou a equipe com seu foco e dedicação. Ela fez um bom progresso como piloto, desenvolvendo suas capacidades físicas e mentais continuamente ao longo dos últimos anos.”

"Estamos ansiosos em ter Tatiana a bordo do nosso primeiro capítulo como a Alfa Romeo."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Tatiana Calderon
Equipes Sauber
Tipo de artigo Últimas notícias