"Cascão", Hamilton afirma ter fugido d'água por acreditar em sol

Inglês oscila nas duas sessões livres, mas garante que McLaren estará na briga contra as principais rivais

A McLaren ilustra bem o que foi a sexta-feira de treinos em Melbourne. Na primeira sessão, a dupla formada por Jenson Button e Lewis Hamilton fez P1 e P2, respectivamente. Na segunda sessão, os dois pilotos ficaram atrás da Marussia de Timo Glock; Button foi o 15º e Hamilton o 16º. Moral da história: os treinos não valeram para muitas referências.

"Não andamos muito hoje. Não andei nada no molhado, pois a previsão diz que estará seco amanhã e no domingo. O mais importante era ficar calmo e focar no que devemos fazer amanhã", disse Hamilton."Não estou frustrado, mas é chato ficar sem andar."

"Acho que amanhã teremos uma melhor compreensão de quão rápidos estão todos. Geralmente as pessoas usam programas parecidos em termos de combustível e pneus no terceiro treino, então saberemos melhor amanhã. Estou ansioso para ver como as coisas se encaminham."

Ainda que a referência da sexta-feira dê pouca noção, para não dizer nenhuma, Hamilton acredita que a McLaren está no caminho certo. "Sentimos que estamos na briga, mas não sabemos quanto de combustível as equipes estão carregando. Parece que está tudo muito próximo entre nós, Red Bull, Ferrari e Mercedes. Será interessante amanhã."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias