Caterham espera incomodar o meio do pelotão com novo carro

A ex-equipe Lotus confia nas parcerias com Renault e Red Bull e avisa que é melhor se acostumar com os bicos de 2012

Novo carro da Caterham

 

A Caterham lançou oficialmente hoje seu carro para a temporada 2012 falando em dar um passo adiante em relação às duas décimas colocações no Mundial de Construtores de 2010 e 2011. Para isso, a equipe conta com a continuidade das parcerias com Renault e Red Bull e aposta no banimento do difusor soprado para igualar o jogo com as rivais mais próximas.

“É o primeiro ano de estabilidade real em nosso corpo técnico, e ao manter o motor Renault e o câmbio Red Bull, sabemos exatamente com o que estamos trabalhando e o que esperar. Isso significa que podemos dar um passo muito maior em termos de detalhamento do design”, afirmou o diretor técnico Mike Gascoyne.

O engenheiro explicou que os grandes desafios do projeto foram trabalhar com o novo desenho de bico, determinado pelas novas regras que visa aumentar a segurança dos pilotos em colisões frontais.

Além disso, como agora os carros terem de passar por todos os crash tests antes de entrar na pista na pré-temporada, houve um adiantamento em todo o processo para aprontar tudo antes do Natal.

Porém, Gascoyne adiantou que o bico pouco convencional apresentado pela Caterham deve ser a tendência deste ano, ainda que não seja dos mais agradáveis visualmente. “Como somos o primeiro carro é claro que criou muito debate, mas devido ao regulamento de 2012 acho que provavelmente veremos mais bicos desse tipo na maioria dos carros deste ano.”

Gascoyne se diz animado com a ampliação dos trabalhos no túnel de vento, que hoje são feitos tanto na Itália, quanto no túnel alugado junto à Williams. “Isso significa que teremos um carro melhor e mais competitivo e estamos ansiosos para testá-lo e comprovar o que os números estão nos dizendo.”

O engenheiro acredita que o banimento do difusor soprado ajuda equipes como a Caterham, que não tinham o sistema tão desenvolvido. “Isso elimina um pouco de nossos rivais em termos de desenvolvimento técnico.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias