Chefão da Fórmula 1 quer que Lewis Hamilton seja campeão

Para Bernie Ecclestone, segundo título do piloto inglês seria mais rentável para a categoria do que vitória de Rosberg

A decisão do título da Fórmula 1 será apenas daqui duas semanas, no GP de Abu Dhabi, mas o promotor da categoria, Bernie Ecclestone, já sabe para quem vai torcer: Lewis Hamilton. Em entrevista ao site oficial da F-1, o inglês disse que, inicialmente, preferia que Nico Rosberg fosse campeão.

[publicidade] “Pensei que isso seria melhor para a equipe. E na minha posição achei que seria melhor para a Fórmula 1 ter um campeão do mundo que fala várias línguas. Achei que, se houvesse qualquer ajuda, o que tenho certeza que não aconteceu, haveria mais apoio de uma equipe alemã a um piloto alemão.”

Porém, ao longo da temporada, Ecclestone mudou de ideia. “Lewis é mais conhecido ao redor do mundo”, justificou. “Consequentemente, ele seria um campeão melhor para o esporte. Tenho certeza de que, por exemplo, 80% das pessoas nos EUA conhecem Lewis, e provavelmente é o mesmo no resto do mundo. Mas a maioria nunca ouviu falar de Nico”, justificou.

A aposta de Ecclestone é boa: Hamilton só precisa de um segundo lugar em Abu Dhabi para ser campeão.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias